Traduzir

14 junho 2017

Obra de Remodelação da Adega e Cooperativa Agrícola da Graciosa estará concluída em Julho

A obra de remodelação da Adega e Cooperativa Agrícola da Graciosa está em fase de conclusão, conforme o presidente do Governo constatou, em visita realizada na manhã desta Quarta-feira.
A empreitada a cargo da Vila Jardim, tem custo de cerca de 1 milhão de euros e a sua conclusão está prevista para o mês de Julho.
O investimento requalifica as instalações e aumenta-as de 1.105 para 1.349 metros quadrados, tornando a antiga sede da adega numa unidade agro-industrial, que comporta quatro zonas distintas. Na zona de alhos, dá-se a triagem, secagem e armazenamento do produto, na zona vínica consta a adega e destilaria, a zona dos horto-fruticolas para lavagem e embalagem e na zona dedicada ao mel, dar-se-á o enfrascamento e rotulagem. Na zona de cozinha, os frutos que não correspondem aos requisitos serão transformados em compota e o mesmo com o alho, que será transformado em massa.
Vasco Cordeiro, presidente do Governo, disse que este projeto, conjuntamente com outras áreas em que há investimento, tem como objetivo o desenvolvimento económico e criação de emprego na Graciosa.

O presidente do governo disse ainda que a Adega e os produtores terão todo o apoio do governo, para a criação de um quadro técnico.






Twitter Facebook Favorites More