Traduzir

Loading...

quinta-feira, 24 de Julho de 2014

Proteção Civil alerta para previsão de chuva e possibilidade de trovoada em todas as ilhas dos Açores

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) informa que o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) emitiu o seguinte aviso:
Na sequência do comunicado anterior, emite-se:



Para o Grupo Ocidental
Aviso AMARELO referente a:
PRECIPITAÇÃO
No período entre as 12UTC de 2014-07-24 e as 18UTC de 24-07-2014
Precipitação que poderá ser Forte. Possibilidade de trovoadas.


Para o Grupo Central
Aviso AMARELO referente a:
PRECIPITAÇÃO
No período entre as 14UTC de 2014-07-24 e as 06UTC de 25-07-2014
Precipitação que poderá ser Forte. Possibilidade de trovoadas.


Para o Grupo Oriental
Aviso AMARELO referente a:
PRECIPITAÇÃO
No período entre as 00UTC de 2014-07-25 e as 09UTC de 25-07-2014
Precipitação que poderá ser Forte. Possibilidade de trovoadas.
O SRPCBA recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, pelo que, em particular nas zonas mais vulneráveis, recomenda-se a observação e divulgação das principais medidas de autoproteção para estas situações, nomeadamente:
Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas e a retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento.
Manter limpos os sistemas de drenagem e consolidar telhados, portas e janelas.
Garantir uma adequada fixação de estruturas soltas, como andaimes, placards e outras estruturas montadas ou suspensas.
Ter especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas.
Não praticar atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos e passeios à beira-mar.
Estar atento às informações e indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.

Nova orgânica do Governo dos Açores publicada no Diário da República


O Decreto Regulamentar Regional que altera a Orgânica do XI Governo dos Açores foi hoje publicado no Diário da República, integrando as novas Secretarias Regionais da Educação e Cultura; do Mar, Ciência e Tecnologia; da Agricultura e Ambiente e, ainda, o Secretário Regional Adjunto da Presidência para os Assuntos Parlamentares.

O Decreto agora publicado foi aprovado em Conselho do Governo a 08 deste mês, no mesmo dia em que os novos membros do Governo tomaram posse perante a Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores.

Com esta reestruturação orgânica, o Governo dos Açores integra os departamentos da Presidência do Governo Regional, que compreende o Secretário Regional Adjunto da Presidência para os Assuntos Parlamentares e o Subsecretário Regional da Presidência para as Relações Externas; da Vice-Presidência, Emprego e Competitividade Empresarial; da Secretaria Regional da Solidariedade Social; da Secretaria Regional da Saúde; da Secretaria Regional da Educação e Cultura; da Secretaria Regional do Turismo e Transportes; da Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia e da Secretaria Regional da Agricultura e Ambiente.

Relativamente às competências dos novos departamentos, Avelino Meneses terá a seu cargo as pastas da Educação, da Formação Profissional Inicial, incluindo supervisão das escolas profissionais, da Cultura e do Desporto.

Fausto Brito e Abreu terá competências nas áreas da Pescas e Aquicultura, da exploração oceanográfica e licenciamento de usos do mar e seus fundos, das orlas costeiras, da cooperação com a Polícia Marítima, da Ciência, da Tecnologia, da Sociedade de Informação e das Relações com a Universidade dos Açores e demais entidades de formação superior.

Além dos Assuntos Parlamentares, Isabel Almeida Rodrigues terá a seu cargo as pastas da Juventude, da Comunicação Social, da Comunicação Institucional, da Legística e o Jornal Oficial.

A reestruturação orgânica prevê, por outro lado, a criação, em São Miguel, da Direção Regional da Ciência e Tecnologia, que fica na dependência do Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia, assim como, no âmbito do Secretário Regional da Agricultura e Ambiente, da Direção Regional do Desenvolvimento Rural, sedeada na Terceira, com competências em matéria de acompanhamento de programas comunitários.

Mudam de designação a Direção Regional das Obras Públicas, Tecnologia e Comunicações, que passa a designar-se Direção Regional das Obras Públicas e Comunicações, e a Direção Regional da Agricultura e Desenvolvimento Rural, que passa a chamar-se Direção Regional da Agricultura.

GaCS/PC

Santa Cruz da Graciosa vai receber comemorações do Dia da Defesa Nacional

A secretária de Estado, Berta Cabral presidiu à cerimónia de assinatura de protocolos com diversos municípios dos Açores que visam assinalar do Dia da Defesa Nacional.


Berta Cabral assinou, esta terça-feira, cinco protocolos de cooperação no âmbito do Dia da Defesa Nacional com os municípios açorianos de Santa Cruz da Graciosa, Horta, Velas, São Roque, Lajes das Flores e o mesmo protocolo será assinado com a Câmara Municipal de Vila do Porto
Os protocolos prevêem uma série de medidas de cooperação entre os municípios, onde existe porto com capacidade de operação da corveta da Marinha, em missão nos Açores.
A bordo da corveta decorrerão atividades do Dia da Defesa Nacional, destinadas aos jovens de cada uma destas seis ilhas.
Berta Cabral, ex-líder do PSD/Açores e antiga presidente da Câmara de Ponta Delgada, manifestou o seu "regozijo" por estar no arquipélago a assinalar o Dia da Defesa Nacional em algumas das ilhas da região.
Sublinhando que as Forças Armadas "são essenciais" em todo o país, a responsável referiu que quem as integra, são pessoas "sempre prontas a ajudar as populações".

"E nós, numa região infelizmente isolada, com intempéries várias, assolada por catástrofes ao longo da nossa história, sempre tivemos nas Forças Armadas um grande apoio, sempre tivemos nas Forças Armadas alguém que está pronto a intervir, porque efetivamente tem todos os meios, todas as capacidades para em menos de 24 horas resolver qualquer situação crítica. E isso é um bem inestimável do nosso país e é um bem que nós temos de preservar", afirmou.

Empresários dos Açores dão aval ao novo modelo de transporte aéreo

A Câmara do Comércio e Indústria dos Açores (CCIA) congratulou-se com o novo modelo de transporte aéreo entre o continente e os Açores por salvaguardar a competitividade e a acessibilidade dos residentes.

Na sexta-feira, o presidente do Governo dos Açores revelou que foi concluído o processo negocial entre os executivos, regional e nacional referente à revisão das obrigações de serviço público no transporte aéreo entre a região e o continente.
O novo modelo prevê, entre outros aspetos, tarifas aéreas para residentes no valor máximo de 134 euros e a liberalização das ligações entre o continente e as ilhas Terceira e São Miguel.
“Na realidade, este modelo vem salvaguardar a liberalização dos mercados, que têm maiores condições de funcionarem em mercado livre, bem como separa o transporte de passageiros do transporte da carga, melhorando a circulação de mercadorias, para além de contemplar os reencaminhamentos para as 'gateways'”, consideram as câmaras de comércio de Ponta Delgada, Angra do Heroísmo e Horta.
O organismo representativo do tecido empresarial dos Açores considera que, no que concerne à mobilidade dos residentes, este novo modelo “revela-se também positivo, uma vez que garante passagens a preços controlados e a custos finais mais reduzidos do que os atuais”.

Ponta Delgada, Santa Maria, Terceira, Faial e Pico são as chamadas 'gateways' dos Açores, ou seja, os cinco aeroportos com voos de e para fora do arquipélago.

Utentes queixam-se da falta de deslocação de especialistas às ilhas sem hospital

O Vice-presidente do Grupo Parlamentar do CDS-PP Açores, Félix Rodrigues, solicitou, esta quarta-feira, ao Governo Regional a “listagem da deslocação de médicos especialistas às ilhas sem hospital”, como forma de se poder confirmar “o número crescente de queixas relativamente ao atendimento das consultas de especialidade médica” naquelas ilhas.

Num requerimento entregue no Parlamento Açoriano, Félix Rodrigues pede a listagem “discriminada por ilha, por mês e por especialidade médica, com referência ao número de consultas dadas por dia de deslocação, desde 1 de Janeiro de 2012”.
Recorde-se que a deslocação frequente de médicos especialistas às ilhas sem hospital sofreu uma diminuição significativa desde finais do ano passado, na sequência das alterações que o Secretário Regional da Saúde fez publicar na Portaria que as regulamentava, no âmbito no Plano de Reestruturação do Serviço Regional de Saúde.  
Ora, diz Félix Rodrigues, nas ilhas sem hospital “têm surgido um número crescente de queixas relativamente ao atendimento das consultas de especialidade médica” pela não deslocação dos médicos o que “impele os Açorianos residentes nessas ilhas, a recorrerem a consultas de especialidade médica em clínica privada, muitas vezes até fora da sua ilha de residência, situação com a qual o CDS-PP não pode concordar”, quando mais não fosse pelos “sobrecustos de transporte, alojamento e os custos da consulta privada que aqueles Açorianos têm que suportar por falta de alternativa no sistema público de saúde da sua ilha, para o qual descontam como qualquer outro Açoriano”.


Abertas inscrições para qualificação de radiotelefonista classe “A”

Atendendo à dificuldade e aos elevados custos associados de os Graciosenses se deslocarem a outras Ilhas para obterem a qualificação de radiotelefonista classe “A”, a Autoridade Marítima Nacional, através da Delegação Marítima de Santa Cruz da Graciosa, irá organizar a realização de exames.

Esta delegação fará deslocar à Ilha Graciosa um examinador credenciado para proceder a esta formação.
Os interessados podem inscrever-se na Delegação Marítima de Santa Cruz da Graciosa, no Clube Naval da Ilha Graciosa e na Associação de Pescadores Graciosenses.

Esta iniciativa que partiu da nossa delegação marítima de Santa Cruz da Graciosa, é de louvar, e espera-se que os interessados se inscrevam o mais breve possível.

Filarmónica União Popular Luzense actua hoje na praça

Esta Quinta-feira realiza-se mais uma noite denominada Quintas na Praça.

A Filarmónica União Popular Luzense animará a noite da Praça Fontes Pereira de Melo a partir das 22:00.


Artigo de Opinião de Jose Ávila intitulado “ o seu a seu dono ”

O seu a seu dono
Na passada sexta-feira estava ao computador quando “caiu” na caixa de correio a notícia sobre a resolução do problema das acessibilidades há muito esperada.
Sei, de antemão, a importância que esta questão tinha para Vasco Cordeiro e para o seu Governo, sei também a importância que os Açorianos sempre deram e dão aos transportes que, para uma região arquipelágica e afastada do continente português e europeu, assumem uma inquestionável prioridade para quem, como é o caso do Presidente do Governo, põe as pessoas em primeiro lugar.
Por aquilo que me fui apercebendo nos últimos tempos, as negociações foram longas e demoraram mais do que seria expetável, mas com a sua conhecida tenacidade e sentido de estado e com a agilidade da equipa que o rodeou nesta tarefa, foi possível ao Presidente do Governo chegar a um entendimento com o outro lado da barricada, onde estava, segundo as suas próprias palavras, gente que se esforçou também para atingir este acordo final, temos de ser justos.
Este percurso discreto, feito sempre longe dos holofotes, muitas vezes debaixo de críticas maledicentes de uma oposição que nada propõe de construtivo, permitiu ao Governo do Açores atingir os objetivos que há muito se propunha: reduzir significativamente as tarifas aéreas, liberalizar duas rotas e abrir a possibilidade da entrada das companhias aéreas de baixo custo.
É evidente que este novo modelo, agora em fase final de negociação, vai ser bom para todos os Açorianos e servir melhor a economia da região. É por isso que devemos estar todos, sem exceção, satisfeitos com esta vitória.
Lamentavelmente o líder do maior partido da oposição quis associar-se a este momento da pior forma: reivindicando louros para todo um trabalho que não foi seu, pondo-se em bicos de pés para aparecer na fotografia, tal como fazem os “emplastros” que andam por aí.










   

Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:
Períodos de céu muito nublado com abertas, tornando-se encoberto.
Períodos de chuva, especialmente a partir da tarde, passando a
aguaceiros durante a noite.
Condições favoráveis à formação de neblinas.
Vento sul bonançoso a moderado (10/30 km/h), rodando para sudoeste e
tornando-se fresco (30/40 km/h) com rajadas até 60 km/h.
MAR DE PEQUENA VAGA, TORNANDO-SE CAVADO.
Ondas noroeste de 1 a 2 metros, passando a oeste.


Preia-mar será às 17h21 com 1.6 metros.
Baixa-mar será às 23h48 com 0.4 metros.

O Sol nasceu às 06h37 e vai pôr-se às 21h11
Índice de Ultravioleta 7, alto

A temperatura da água é de 21ºC

A temperatura do ar é de 23ºC e Humidade 89%

quarta-feira, 23 de Julho de 2014

Governo da República apoia negociação do aumento de quotas de pesca com Bruxelas

O Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia registou positivamente, em Lisboa, a posição do Secretário de Estado do Mar, Pinto de Abreu, de apoiar as negociações que o Governo dos Açores pretende promover junto da Comissão Europeia com o objetivo de conseguir aumentar a quota de pesca para algumas espécies.

“Concordamos promover diligências conjuntas nesse sentido” e “o Governo dos Açores vai recolher toda a informação científica de que dispomos na Região para sustentar essa pretensão”, adiantou Fausto Brito de Abreu após uma reunião de trabalho que manteve com o Secretário de Estado do Mar.
No decorrer do encontro em que foram debatidos os temas emanados do Conselho Regional das Pescas que na passada semana reuniu todos os representantes do setor na ilha Terceira, ficou ainda acordado o desenvolvimento de uma “estratégia conjunta de sensibilização da Comissão Europeia para as especificidades da pesca açoriana”.
“Praticada por uma frota artesanal e com recurso as artes de pesca especialmente sustentáveis”, frisou o Secretário Regional.

Noutro encontro, que manteve com a Ministra da Agricultura e do Mar, Fausto Brito e Abreu debateu com Assunção Cristas as macro-políticas estabelecidas pela Região para o desenvolvimento da chamada Economia do Mar e, em particular, a importância do papel da Ciência e da Tecnologia para o seu sucesso, nomeadamente em áreas como a da aquicultura. 

Consultas de especialidade este fim-de-semana na Graciosa

O antigo Centro de Saúde, na Avenida Mouzinho de Albuquerque, vai receber médicos especialistas no próximo fim-de-semana.
João Martins na otorrinolaringologia e Elias Ribeiro na dermatologia, vão dar consultas no Sábado e Domingo.

As marcações podem já ser feitas para o nº 91 504 54 31.

Marítimo e Guadalupe confirmados para o Campeonato de Futebol dos Açores 2014/2015

O sorteio do Campeonato de Futebol dos Açores realiza-se no próximo fim-de-semana.
Segundo informação da Associação de Futebol da Horta, o sorteio do Campeonato de Futebol dos Açores, época 2014/2015, decorrerá no próximo dia 26 de Julho, pelas 11H00, no auditório da Biblioteca Pública e Arquivo Regional João José da Graça, na cidade da Horta.
Na segunda edição deste campeonato estão confirmados da nossa ilha o Sport Club Marítimo e o Sporting Club Guadalupe. Os outros clubes confirmados são o Boaavista Club da Ribeirinha, Clube Desportivo Rabo de Peixe, Futebol Clube Flamengos, Futebol Clube Vale Formoso, Prainha Futebol Clube, Sport Club Barreiro, Sport Club Lusitânia e Sporting Clube Ideal.
O preço máximo dos bilhetes para os jogos do Campeonato de Futebol dos Açores é de €4,00.




Xadrezista Graciosense participa de 23 a 27 de Julho no Campeonato Nacional de Jovens de Xadrez

Realiza-se entre 23 e 27 de Julho, o Campeonato Nacional de Jovens de Xadrez, na vila do Luso, Concelho da Mealhada. O concelho de Santa Cruz da Graciosa está representado neste evento, na categoria de Sub 18, pelo xadrezista Carlos Côrte-Real, do Clube Desportivo Escolar Ilha Branca, que em representação da selecção dos Açores vai tentar obter uma boa classificação. O xadrezista Graciosense sagrou-se recentemente campeão Regional da sua categoria.




A comitiva dos Açores é formada por jogadores do Clube Naval Rabo de Peixe, Associação Académica da Universidade dos Açores, Associação Recreativa e Preparatória da Calheta, Associação Recreativa e Preparatória da Calheta, Clube Desportivo Escolar Ilha Branca e o Seleccionador Regional é Luís Afonso.



Entrevista sobre Festas de Nossa Senhora da Esperança

No espaço de entrevista desta Quarta-feira falamos da Comissão de Festas de Nossa Senhora da Esperança.

Uma entrevista para ouvir às 17h30 na nossa antena ou em www.radiograciosa.com

Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:

Períodos de céu muito nublado com boas abertas, por vezes pouco nublado.
Vento fraco (05/10 km/h), tornando-se bonançoso a moderado (10/30 km/h)
de sudoeste.
Mar encrespado, tornando-se de pequena vaga a cavado.
Ondas noroeste de 1 a 2 metros.

Preia-mar será às 23h39 com 1.3 metros.
Baixa-mar será às 17h40 com 0.6 metros.

O Sol nasceu às 06h42 e vai pôr-se às 21h07
Índice de Ultravioleta 10, muito alto

A temperatura da água é de 20ºC.

A temperatura do ar é de 21ºC e Humidade 88%

terça-feira, 22 de Julho de 2014

Tribunal de Contas vai fazer auditoria a todas as juntas de freguesia da Região

O Tribunal de Contas vai realizar uma auditoria a todas as juntas de freguesia dos Açores para apurar o seu nível de endividamento, revela um relatório a que a agência Lusa teve acesso.
A decisão surge na sequência de uma verificação interna de contas realizada às juntas de freguesia do concelho da Praia da Vitória, ilha Terceira, algumas das quais terão omitido que tinham contraído empréstimos bancários.

De acordo com o relatório, a freguesia Lajes contraiu em 2012 um empréstimo junto de uma instituição bancária, por um prazo superior ao permitido pela Lei de Finanças Locais (máximo de um ano).
O mesmo documento acrescenta que o então presidente da junta, Elmano Nunes, eleito pelo Partido Socialista, terá omitido este facto, tendo declarado que a autarquia não possuía nenhum empréstimo bancário.
As freguesias das Fontinhas e de Porto Martins também não cumpriram o regime legal de endividamento a que estão sujeitas, por terem celebrado contratos de locação financeira com prazos superiores aos permitidos por lei.

Uma situação que, segundo o Tribunal de Contas, pode estar a ocorrer também noutros concelhos, razão pela qual os juízes decidiram fazer uma auditoria às contas de todas as juntas de freguesia dos Açores.

CDS-PP alerta que novas obrigações de serviço público são positivas mas também preocupantes

O Presidente do CDS-PP Açores, Artur Lima, alertou Segunda-feira, para “os reais perigos” que uma “liberalização” do espaço aéreo açoriano vai trazer para os passageiros residentes e estudantes, no âmbito da proposta de revisão das obrigações de serviço público (OSP) do transporte aéreo regular entre os Açores e o Continente, anunciada sexta-feira pelo Governo Regional.

Em conferência de imprensa, em Angra do Heroísmo, Artur Lima registou que “foi dado um passo em frente na melhoria dos preços das ligações aéreas”, mas, advertiu, “existem alguns aspectos que carecem ser melhor clarificados, antes da aprovação final deste modelo”.
Para se justificar melhor o Líder dos populares açorianos exemplificou: “vejamos uma família de quatro pessoas; se a companhia cobrar 400 euros por passagem, os passageiros terão que desembolsar 1600 euros e depois de completada a viagem ficarão à espera três meses ou mais, conforme o que vier a ser definido, para receber o reembolso. Quem é que tem capacidade para isso?”. Outro exemplo: “Vejamos também o caso dos estudantes: vão ter passagens a 99 euros, mas terão que comprar a passagem ao preço que a companhia quiser. Só serão reembolsados quando completarem a viagem, ou seja, quando regressarem a casa, e depois ainda têm três ou mais meses para esperar pelo reembolso”.
Lima destaca sempre como positivo a possibilidade “real de abaixamento das tarifas”, mas acrescenta sempre também “a necessidade de se colocar aqui alguns travões, algumas obrigações às companhias”.

O CDS-PP diz que a proposta do executivo socialista significa “uma liberalização extrema” que acarreta ainda outros perigos, como, por exemplo, “não garante que, no caso da Terceira possamos continuar a ter, pelo menos, uma ligação por dia ao Continente”, porque tal não está definido.
Considera também o PP preocupante não estar definido um tecto máximo para o preço da passagem; Não está igualmente definida a franquia de bagagem por passageiro, ou seja, quantos quilos e volumes de bagagem pode levar cada passageiro e a que custo, nas rotas liberalizadas; Não está garantido que o residente no acto de adquirir a passagem pague só 134 euros; É preciso saber quais as regras de reembolso, quando o passageiro pagar uma quantia superior aos 134 euros, ou seja, quanto tempo para o reembolso e em que moldes será feito; É preciso acautelar, pelo menos, um terço dos lugares, em cada rota e em cada voo, de passagens de desembolso directo do passageiro a 134 euros; É também preciso perguntar ao Governo Regional se, com esta proposta, está acautelado que o passageiro conseguirá sair e/ou chegar ao seu destino no mesmo dia; Resta saber quais as garantias dadas aos passageiros relativamente aos cancelamentos de voos, por razões imputadas às companhias”, apontou Artur Lima que espera ver incluídas algumas obrigações específicas que salvaguardem melhor os passageiros, nomeadamente das rotas liberalizadas.




Cláudio Bettencourt um dos candidatos ao Troféu Regional de Ralis “Além Mar” Terceira-Graciosa

Cláudio Bettencourt e António Costa, venceram sem contestação o 6º Rali Ilha Graciosa Além Mar, terceira prova pontuável para o Troféu Regional de Ralis “Além Mar” Terceira-Graciosa Açores.
O 14º Rali Além Mar/XXXVI Ilha Lilás será a próxima prova pontuável e também a última deste Troféu Regional de Ralis “Além Mar” Terceira-Graciosa.

Segundo nota de imprensa do TAC, com nova majoração nas pontuações, tal como aconteceu neste 6º Rali Ilha Graciosa Além Mar, onde se acrescenta ainda as pontuações extra da “Power Stage”, serão 7 os pilotos que podem vencer a primeira edição deste Troféu, Pedro Lança, Claudio Bettencourt, Fábio Valadão, Tiago Valadão, Artur Silva, Nuno Cintra, Carlos Andrade e Lisuarte Mendonça. São também 10 os navegadores, António Costa, Bruno Narciso, Paulo Marques, Wilson Mendes, César Silva, Rui Silva e Miguel Sousa Azevedo, João Silva, Márcio Martins e Adriano Rosa.
Perspectiva-se assim grandes emoções nas estradas de asfalto da ilha Terceira no próximo mês de Setembro.

Com esta expetativa espera-se que o piloto graciosense consiga apoios para disputar este título na vizinha ilha Terceira. 

Festas de Nossa Senhora da Esperança ocorrerão de 24 a 29 de Julho

As festas de Nossa Senhora da Esperança decorrem este ano de 24 a 29 de Julho.
São seis dias de festa divididos pelas áreas religiosa e profana, sendo o ponto alto a procissão de Domingo, que contará com as quatro filarmónicas da ilha.
Nos espectáculos musicais é dado destaque aos grupos graciosenses, com presença todos os dias das festas, dois artistas continentais e um conjunto da ilha do Pico.
As touradas à corda serão duas e prometem tardes animadas no Sábado e na Terça-feira.



Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:
Períodos de céu muito nublado com boas abertas, por vezes pouco nublado
para a tarde.
Aguaceiros fracos na madrugada.
Vento norte bonançoso (10/20 km/h), temporariamente noroeste e
enfraquecendo.
Mar de pequena vaga, tornando-se encrespado.
Ondas noroeste de 1 a 2 metros.

Preia-mar será às 22h51 com 1.3 m
Baixa-mar será às 16h50 com 0.6 m

O Sol nasceu às 6h41 e vai pôr-se às 21h08
Índice de Ultravioleta 10, muito alto

A temperatura da água é de 19ºC

A temperatura do ar é de 20ºC, Humidade 83%

segunda-feira, 21 de Julho de 2014

Balanço do VI Rali Ilha Graciosa


Este fim de semana, foi para a estrada o VI rali ilha graciosa, prova organizada pelo TAC com o patrocínio da AGRAPROME.
Na sexta feira, na especial de Santa Cruz, começava mais uma edição do Rali Ilha Graciosa.

O VI Rali Ilha Graciosa realizou-se Sexta e Sábado, um evento que trouxe até à ilha Graciosa 30 viaturas, das ilhas Terceira, São Miguel, Pico e continente.
Claúdio Bettencourt/António Costa andou sempre à frente, vencendo todas a PE, e foi cimentando a vitória, prova após prova, sempre seguido de perto por Pedro Lança/Paulo Marques e José Paula/Fábio Silva.
O tricampeão da Ilha Graciosa terminou com um tempo de 26:41,9, seguido de Pedro Lança a uma distância de 1´:17'',4/10 e em terceiro lugar José Paula do Pico, a 1´19´´,2/10.
De registar ainda a participação das outras 3 duplas graciosenses, com César Bettencourt/Fernando Cunha a ficarem na 16ª posição da geral, eles que tinham ficado em penúltimo na super especial, mas que prova após prova recuperaram e foram conseguindo sempre melhores tempos.
Percalços com os travões ditaram o destino de Paul Barbosa/Bruno Silva, e Laudalino Furtado/Ricardo Areia, na 21ª e 23ª posição respetivamente, mas que se mostraram contentes por terem conseguido terminar.
A mesma sensação mostraram os estreantes Avelino Coutinho/Marco Silva, 22ª posição, que tiveram a sua primeira experiência em prova e que chegaram sem problemas no seu carro.
No final, os concorrentes estavam satisfeitos com a organização da prova, mas fizeram um reparo às más condições do parque de assistência, que devido ao muito pó, tinha poucas condições para as assistências trabalharem.

A Rádio Graciosa fez a cobertura integral e em direto desta prova com o apoio de vários patrocinadores. De salientar e louvar, a empresa AMAWEB, que fez um tratamento dos tempos ao segundo, com grande profissionalismo e sem falhas.

José Ávila apresentou relatório sobre setor cooperativo nas Jornadas Parlamentares do PS

O deputado socialista José Ávila apresentou quinta-feira os resultados do relatório “Momento Atual e Perspetivas Futuras das Cooperativas de Laticínios dos Açores”, elaborado por um grupo de trabalho da Comissão Permanente de Economia da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores.

O coordenador do estudo destacou que o “Setor Cooperativo Agrícola nos Açores assume uma função económica e social da maior relevância”, desempenhando-a num “espírito de desenvolvimento económico e sustentável que se pretende contribuir para um maior e melhor crescimento da Região, aos seus mais diversos níveis”.
O deputado graciosense lembrou que o sector do leite dos Açores “já representa cerca de 33% da produção nacional, fruto de um trabalho que tem vindo a ser desenvolvido ao longo dos últimos 15 anos, altura em que o setor leiteiro deu um grande salto”.
Conforme explicou o deputado socialista, o “produto do Açores é uma mais-valia para o desenvolvimento da Região e é essencial que seja incentivada a sua produção e comercialização nos mercados estrangeiros, numa perspetiva de valorização contínua através de publicitação e marketing”, bem como de “uma estratégia concertada entre os diversos intervenientes, produção-transformação e comercialização”.
O grupo concluiu que a “colocação da Marca ‘Açores’ nas embalagens de marcas brancas desvaloriza aquilo que é produzido nos Açores”.
José Ávila frisou que “produtos como o Queijo São Jorge, devidamente certificado, devem ser continuamente valorizados”, pois tratam-se de “mais-valias para o desenvolvimento económico da Região, produtos âncora dos lacticínios dos Açores”.
José Ávila acredita que “em termos de exportação, a América do Norte demonstra um potencial muito interessante de absorção dos produtos açorianos”.
 “É importante mantermos a extensão rural dos Açores, de forma assegurar a sustentabilidade do setor cooperativo. Mas importa também identificar e divulgar estratégias de sucesso para as cooperativas de lacticínios, nomeadamente através do incentivo à entrada em novos mercados, fora dos mercados tradicionais”, concluiu José Ávila.


Museu vai abrir ao domingo no período da tarde

 
O nosso museu vai abrir ao domingo, pelo menos nesta época, para que as pessoas que o queiram visitar possam fazê-lo.

Esta é uma medida que vai permitir que os turistas conheçam o espólio dos graciosenses.



Presidente do Governo anuncia fim das negociações sobre transportes aéreos

O Presidente do Governo anunciou a conclusão das negociações com o Governo da República sobre o novo modelo de Obrigações de Serviço Público nas ligações aéreas entre os Açores e o Continente e a Madeira, que prevê que os Açorianos paguem um valor máximo de 134 euros pelas suas deslocações e a liberalização das rotas entre o Continente e Ponta Delgada e a Terceira.

O modelo apresentado por Vasco Cordeiro, em conferência de imprensa, inclui, assim, a liberalização das rotas Lisboa/Ponta Delgada; Lisboa/Terceira; Porto/Ponta Delgada e Porto/Terceira, assim como a proteção diferenciada dos residentes e estudantes Açorianos.
Além disso, ficaram contempladas melhorias das condições das Obrigações de Serviço Público (OSP) nas rotas Lisboa/Santa Maria; Lisboa/Pico, dos encaminhamentos no interior da Região para as gateways com ligação ao exterior, e do transporte de carga por via aérea entre os Açores e o Continente.
Segundo anunciou, as rotas Lisboa/Ponta Delgada; Lisboa/Terceira; Porto/Ponta Delgada e Porto/Terceira passam, assim, a ficar totalmente abertas à entrada de qualquer companhia aérea, incluindo as chamadas “low-cost”.
Relativamente aos estudantes Açorianos, passam a ter um valor máximo a pagar nas suas deslocações ao Continente para prosseguirem os seus estudos de 99 euros, o que é, também, o preço final da passagem de ida e volta, sem restrições.
No caso das ligações entre os Açores e a Madeira, o procedimento de garantia de um preço máximo de passagem e de pagamento é o mesmo, sendo que o valor máximo para os residentes será de 119 euros e para os estudantes de 89 euros.


PSD diz que há condições para baixar preços das passagens

Ainda sobre transportes o presidente do PSD/Açores afirmou que “estão reunidas todas as condições” para que o preço das tarifas aéreas entre a Região e o continente baixe para 134 euros.
“Tenho mantido contactos com o Primeiro-Ministro e com o Secretário de Estado dos Transportes a propósito das novas obrigações de serviço público do transporte aéreo entre os Açores e o continente. Posso anunciar que já estão reunidas todas as condições para as tarifas aéreas baixarem para 134 euros”, disse Duarte Freitas.

O presidente do PSD/Açores destacou também o “empenhamento pessoal” do primeiro-ministro, Passos Coelho, na resolução deste assunto.
O líder dos social-democratas açorianos considerou ainda que “é muito importante que o governo regional promova uma redução do preço das passagens inter-ilhas para valores inferiores aos atuais”.


Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:

Períodos de céu muito nublado com boas abertas, tornando-se encoberto.
Períodos de chuva a partir do fim da tarde, passando a aguaceiros.
Vento oeste moderado (20/30 km/h), tornando-se bonançoso (10/20 km/h) e
rodando para noroeste durante a noite.
Mar cavado tornando-se de pequena vaga.
Ondas noroeste de 1 a 1,5 metro.


Baixa-mar será às 15h47 com 0.7 metros.
Preia-mar será às 21h52 com 1.3 metros.

O Sol nasceu à 06h23 vai pôr-se às 21h15
Índice de Ultravioleta 9, Muito Alto

A temperatura da água é de 21ºC.

A temperatura do ar é de 20ºC, Humidade 88% 

sábado, 19 de Julho de 2014

Cláudio Bettencourt venceu VI Rali Ilha Graciosa

O VI Rali Ilha Graciosa realizou-se Sexta e Sábado, um evento que trouxe até à ilha Graciosa 30 viaturas, das ilhas Terceira, São Miguel, Pico e continente.
Claúdio Bettencourt/António Costa andou sempre à frente, vencendo todas a PE, e foi cimentando a vitória, prova após prova, sempre seguido de perto por Pedro Lança/Paulo Marques e José Paula/Fábio Silva.

O tricampeão da Ilha Graciosa terminou com um tempo de 26:41,9, seguido de Pedro Lança a uma distância de 1´:17'',4/10 e em terceiro lugar José Paula do Pico, a 1´19´´,2/10.

De registar ainda a participação das outras 3 duplas graciosenses, com César Bettencourt/Fernando Cunha a ficarem na 16ª posição da geral, eles que tinham ficado em penúltimo na super especial, mas que prova após prova recuperaram e foram conseguindo sempre melhores tempos.
Percalços com os travões ditaram o destino de Paul Barbosa/Bruno Silva, Avelino e Laudalino Furtado/Ricardo Areia, na 21ª, e 23ª posição respetivamente, mas que se mostraram contentes por terem conseguido terminar.
A mesma sensação mostraram os estreantes Avelino Coutinho/Marco Silva, 22ª posição, que tiveram a sua primeira experiência em prova e que chegaram sem problemas no seu carro.

Parque de assistência do VI rali ilha graciosa

Twitter Facebook Favorites More