Traduzir

Loading...

12 fevereiro 2016

Resumo Semanal de 8 a 12 de Fevereiro de 2016

Desfile de Carnaval encheu de alegria e cor o Pavilhão Municipal

O Pavilhão Municipal de Santa Cruz da Graciosa encheu de gente, para assistir ao desfile cheio de muita cor e alegria das fantasias das 7 colectividades da ilha, que celebram o Carnaval.
Os clubes da ilha apresentaram 19 fantasias, que animaram a tarde de Domingo Gordo na Graciosa.
Desfilaram 568 figurantes, menos 93 dos que os 661 do ano passado.





Conhecidos resultados do Corta Mato Escolar

A Fase Regional do 12.º Corta-Mato Escolar decorreu no passado dia 30 de janeiro, em São Miguel.
A Graciosa esteve representada no Corta-Mato Regional por 5 atletas da Escola Secundária de Santa Cruz da Graciosa.
Os resultados dos alunos da Graciosa foram de mérito, embora não tenham conseguido lugares de pódio.
Nos Iniciados Femininos, Nélia Santos conseguiu o  26º lugar, nos Iniciados Masculinos, André Veiga ficou no 9º lugar e João Tiago no 10º lugar.
Nos Juvenis Masculinos, Carlos Cunha conseguiu o 8º lugar, o melhor lugar da participação graciosense e Gustavo Costa ficou no 12º lugar.






Carnaval da Graciosa é um dos mais tradicionais dos Açores

O Carnaval na ilha Graciosa, um dos mais tradicionais nos Açores, é celebrado com muita dança em vários locais da ilha, onde às típicas músicas da quadra se juntam o "baile mandado", dançado a um ritmo mais lento e em roda para "recuperar forças", e ainda a "moda do chocolate", em que os cavalheiros que convidam as senhoras para dançar, têm de lhes oferecer um chocolate no bar.
Este ano, a terça-feira de Carnaval foi celebrada a 9 de Fevereiro, mas mal acabou o Natal arrancaram logo os primeiros bailes na ilha.





Aterros da Graciosa estão já selados

Com a construção e funcionamento dos Centros de Processamento em sete das nove ilhas, o objetivo é que a deposição de resíduos seja reduzida, ao mínimo indispensável, e que os atuais locais de deposição a céu aberto, sejam objeto de intervenções de selagem e recuperação paisagística.
Nesse sentido, foram já selados os aterros da Graciosa e das Flores e adjudicadas as obras em Santa Maria e no Corvo, ilha em que também vai ser construído um aterro de inertes.





Desemprego nos Açores registou a maior redução dos últimos 10 anos

O Vice-Presidente do Governo afirmou que os dados revelados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), relativos à taxa de desemprego no país, “confirmam que o ano de 2015 foi marcado por uma significativa recuperação e retoma do emprego” nos Açores.
“A taxa de desemprego nos Açores registou, no fim de 2015, a maior redução face ao mesmo período do ano anterior dos últimos 10 anos”, frisou Sérgio Ávila.
Segundo os dados do INE, a taxa de desemprego no final de 2015 foi 2,9 pontos percentuais inferior à verificada um ano antes, o que representa uma redução de 19 por cento da taxa de desemprego homóloga.
Existiam no final de 2015, menos 3.680 Açorianos desempregados do que um ano antes (- 20 por cento) e mais 2.474 Açorianos a trabalhar”.






Peixaria do Mercado Municipal abriu Quinta-feira

Este é o segundo espaço de peixaria que a associação de Pescadores abre na Graciosa, sendo uma forma de garantir o escoamento interno do pescado e criação de emprego.
A associação põe à disposição da população peixe local de qualidade e bom atendimento.




População da Graciosa voltou a diminuir em 2015

Dados que a Rádio Graciosa recolheu junto da Conservatória do Registo Civil de Santa Cruz da Graciosa e do Serviço Materno Infantil da Unidade de Saúde indicam 55 óbitos, para apenas 40 nascimentos. Em comparação com 2014 há uma diminuição de 2 nascimentos e de 5 óbitos, sendo de ressalvar que nos últimos anos tinha havido aumentado os nascimentos.
Verifica-se ainda que das 40 crianças nascidas, apenas 6 foram registadas na Graciosa, uma tendência que tem vindo a aumentar, com a maioria dos pais a optar por fazer o registo no Hospital onde se efectua o nascimento.
Outra tendência que apareceu nos últimos anos, é de o número de divórcios ser muito superior aos casamentos, mas em 2015 essa tendência foi quebrada ao verificar-se 7 divórcios, o mesmo número dos casamentos celebrados.






Deputados do PSD defendem compensação aos pescadores durante interdição de pesca ao goraz

Os deputados do PSD/Açores na Assembleia da República defendem que o Governo da República e o Governo Regional "devem solicitar a ativação dos mecanismos comunitários de compensação, no âmbito do Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos e da Pesca, para fazer face ao período de defeso da pesca do Goraz, entre 15 de janeiro e 29 de fevereiro".
Berta Cabral e António Ventura apontam "a ativação dos mecanismos comunitários de compensação, ou a criação de mecanismos de compensação próprios. Mas têm de ser os governos regional e da República a demonstrar interesse por essas soluções, e foi nesse sentido que questionamos o executivo nacional", concluem.




População da Graciosa voltou a diminuir em 2015

No ano de 2015 a população da Graciosa voltou a diminuir, ao manter-se a tendência de mais óbitos do que nascimentos.
Dados que a Rádio Graciosa recolheu junto da Conservatória do Registo Civil de Santa Cruz da Graciosa e do Serviço Materno Infantil da Unidade de Saúde indicam 55 óbitos, para apenas 40 nascimentos. Em comparação com 2014 há uma diminuição de 2 nascimentos e de 5 óbitos, sendo de ressalvar que nos últimos anos tinha havido aumentado dos nascimentos.
Verifica-se ainda que das 40 crianças nascidas, apenas 6 foram registadas na Graciosa, uma tendência que tem vindo a aumentar, com a maioria dos pais a optar por fazer o registo no Hospital onde se efectua o nascimento.

Outra tendência que apareceu nos últimos anos, é de o número de divórcios ser muito superior aos casamentos, mas em 2015 essa tendência foi quebrada ao verificar-se 7 divórcios, o mesmo número dos casamentos celebrados.

Deputados do PSD defendem compensação aos pescadores durante interdição de pesca ao goraz

Os deputados do PSD/Açores na Assembleia da República defendem que o Governo da República e o Governo Regional "devem solicitar a ativação dos mecanismos comunitários de compensação, no âmbito do Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos e da Pesca, para fazer face ao período de defeso da pesca do Goraz, entre 15 de janeiro e 29 de fevereiro".
Segundo explicou António Ventura, esse período de defeso "foi estabelecido pelo Governo Regional, e fez com que o rendimento dos pescadores açorianos diminuisse muito. Ainda mais porque ocorre numa altura em que o inverno tem sido desfavorável, impedindo a pesca de outras espécies piscícolas e afetando toda a fileira", avançou.
O social democrata explicou que os pescadores açorianos "se queixam destas duas situações, que estão a ser lesivas para os seus rendimentos. A interdição à pesca do Goraz é uma medida de sustentabilidade na gestão da espécie, mas não se pode esquecer a perda de rendimento dos pescadores açorianos", considera.

Berta Cabral e António Ventura apontam "a ativação dos mecanismos comunitários de compensação, ou a criação de mecanismos de compensação próprios. Mas têm de ser os governos regional e da República a demonstrar interesse por essas soluções, e foi nesse sentido que questionamos o executivo nacional", concluem.

Assembleia Municipal reúne a 17 de Fevereiro

A Assembleia Municipal de Santa Cruz da Graciosa vai reunir no dia 17 de Fevereiro, próxima Quarta-feira.

João Teixeira convocou os deputados municipais para uma reunião ordinária, com 8 pontos da ordem de trabalhos, entre os quais se destaca a 1ª revisão orçamental de 2015, proposta de alteração da tabela de taxas municipais e alteração do regulamento do centro de atividades de tempos livres.

XVII Romaria Quaresmal a 5 e 6 de Março

O Grupo de Romeiros da Graciosa realiza a XVII Romaria Quaresmal nos dias 5 e 6 de Março.
A romaria inicia-se às 6 horas da madrugada de 5 de Março, na Igreja de São Miguel Arcanjo, nas Almas, percorrendo as estradas da Graciosa, com paragem nas mais de 20 igrejas e ermidas da ilha.

O encerramento será às 18 horas, do dia 6 de Março, na Igreja de Guadalupe.

Futebol de formação regressa após pausa para Carnaval

O calendário do futebol de formação continua este fim-de-semana, após a pausa para o Carnaval.
Em Juniores B, a contar para a Taça Ilha Graciosa, jogam Marítimo e Graciosa, às 15 horas de Sábado, no Sintético da Luz.

No Campeonato de Juniores D, jogam às 11 horas de Sábado, Praiense com Graciosa, no Sintético da Luz e Marítimo com Luzense, no Estádio Municipal.

Entrevista sobre Romaria Quaresmal da Graciosa

No espaço de entrevista desta Sexta-feira é nosso convidado António Silveira, Mestre do Grupo de Romeiros da Graciosa, para nos falar da romaria deste ano.

Uma entrevista para ouvir às 17h30 ou a qualquer hora em radiograciosa.com

Artigo de Opinião de José Ávila intitulado “Afinal havia outro caminho ”

O Orçamento de Estado de 2016 recebeu luz verde por parte das instâncias europeias pese embora toda a pressão exercida, dias antes, por Bruxelas e pelos partidos da direita em Portugal que tudo fizeram ou disseram para descredibilizar interna e externamente aquele documento.
Todo o processo foi inquinado com informações e contra informações transmitidas por alguns arautos da desgraça e por comentadores políticos alinhados que desconhecem o que significa negociar e compromisso.
O Orçamento para o corrente ano é diferente dos anteriores, responsável quanto baste, resulta do diálogo com outras forças políticas e vira a página da austeridade. Afinal havia mesmo outro caminho.
É verdade que numa negociação não há vencedores nem vencidos, mas António Costa fez com que Portugal deixasse de ser um país subserviente tal como o foi nestes últimos quatro anos. Enquanto o Orçamento de Estado era analisado em Bruxelas, António Costa, na Alemanha, dizia que não falou nesse assunto com a senhora Merkel porque, segundo ele, não a ia incomodar com o Orçamento Português dado ela própria ter de se preocupar com o seu. Quem esperava ver o primeiro-ministro de cócoras perante a poderosa Alemanha desenganou-se e no lugar de servilismo viu determinação.
Relativamente aos Açores este Orçamento de Estado também é diferente e representa uma viragem no relacionamento com os seus órgãos próprios, ao serem eliminadas normas que interferiam com as competências das Regiões Autónomas.
Além disso, e ao contrário do que aconteceu durante o mandato do anterior Governo, este Orçamento de Estado cumpre a Lei de Finanças Regionais e altera o critério de acesso ao financiamento para investimentos comparticipados por fundos comunitários.
Mas não é só. Também foi revogada a norma que impunha o pagamento pela Região dos tratamentos dos doentes Açorianos nos hospitais do continente, eliminadas as normas que controlavam o recrutamento de trabalhadores pela administração pública regional e assegurada a possibilidade dos municípios Açorianos terem acesso ao financiamento bancário como receita da parte não comparticipada dos investimentos a concretizar com fundos comunitários.
Nos Açores o aumento do rendimento das famílias será uma realidade, devido à eliminação progressiva da sobretaxa do IRS, da reposição dos vencimentos dos funcionários públicos e do aumento do salário mínimo.
Este novo caminho repõe rendimento e justiça fiscal, mas, sobretudo dá ao país uma nova esperança.

Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:

Céu geralmente muito nublado. Períodos de chuva fraca ou chuvisco.
Vento do quadrante oeste moderado a fresco (20/40 km/h) com rajadas até 60 km/h.
MAR CAVADO.
Ondas oeste de 4 metros.

Baixa-Mar às 22h25 com 0,4 m
Preia-Mar às 16h20 com 1,6 m

O Sol nasceu às 07h47 e vai pôr-se às 18h24

A temperatura da água é de 15ºC

A temperatura do ar é de 17ºC e Humidade 92%

11 fevereiro 2016

Desemprego nos Açores registou a maior redução dos últimos 10 anos

O Vice-Presidente do Governo afirmou que os dados revelados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), relativos à taxa de desemprego no país, “confirmam que o ano de 2015 foi marcado por uma significativa recuperação e retoma do emprego” nos Açores.
“A taxa de desemprego nos Açores registou, no fim de 2015, a maior redução face ao mesmo período do ano anterior dos últimos 10 anos”, frisou Sérgio Ávila.
Segundo os dados do INE, a taxa de desemprego no final de 2015 foi 2,9 pontos percentuais inferior à verificada um ano antes, o que representa uma redução de 19 por cento da taxa de desemprego homóloga.
Existiam no final de 2015, menos 3.680 Açorianos desempregados do que um ano antes (- 20 por cento) e mais 2.474 Açorianos a trabalhar”.
Por outro lado, as estatísticas do INE apontam para o facto de se registar, pelo oitavo trimestre consecutivo, um crescimento da população empregada face ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Vice-Presidente salientou também que, em termos de taxa média anual, em 2015 registou-se nos Açores uma redução de 22 por cento da taxa de desemprego, face ao ano anterior, e que existiam menos 4.946 Açorianos desempregados do que em 2014.

Aprovadas propostas para não discriminação de Açorianos no acesso a cuidados saúde no continente

O Governo dos Açores aprovou duas propostas que garantem a não discriminação dos Açorianos no acesso aos cuidados médicos prestados no continente e que consagram a reciprocidade entre o Serviço Regional de Saúde (SRS) e o Serviço Nacional de Saúde (SNS).
A medida foi anunciada pela Secretária Regional Adjunta da Presidência para os Assuntos Parlamentares na apresentação do comunicado do Conselho do Governo, que reuniu quinta-feira em Angra do Heroísmo.
A Anteproposta de Lei estabelece que não são cobrados pelo SNS ou entidades nele integradas aos utentes ou unidades de saúde da Região os cuidados de saúde prestados aos utentes do SRS.
A Proposta de Decreto Legislativo Regional estabelece que não são cobrados pelo SRS ou entidades nele integradas os cuidados de saúde prestados aos utentes do SNS.

“Estas duas iniciativas”, salientou Isabel Rodrigues, “ao consagrarem o princípio da reciprocidade na prestação de cuidados de saúde, conforme acordo alcançado entre o Presidente do Governo Regional e o Primeiro-Ministro aquando da audiência realizada a 6 de janeiro, colocam em igualdade de circunstâncias os utentes de ambos os sistemas mediante uma solução respeitadora da respetiva complementaridade e que garante a não discriminação dos Açorianos no acesso a cuidados médicos prestados no continente”.

PSP fiscalizou 18 veículos na Segunda-feira

A Esquadra da PSP de Santa Cruz da Graciosa efetuou uma operação de fiscalização rodoviária, na Segunda-feira.
Segundo informação do Comando Regional, foram fiscalizados 18 veículos e detetadas 02 infrações de natureza contraordenacional, por avaria de luzes e  falta de documentos.

Na sinistralidade rodoviária, nos Açores, nos dias 8 e 9 de Fevereiro, ocorreram 9 acidentes de viação, dos quais resultaram 1 ferido ligeiro e danos materiais.

Peixaria do Mercado Municipal abriu hoje

A Associação de Pescadores Graciosenses abriu esta manhã o espaço de peixaria do Mercado Municipal.


Este é o segundo espaço de peixaria que a associação abre na Graciosa, sendo uma forma de garantir o escoamento interno do pescado e criação de emprego.
A associação põe à disposição da população peixe local de qualidade e bom atendimento.






Fotos: Associação de Pescadores (facebook)

Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:

Céu geralmente muito nublado. Condições favoráveis à formação de neblinas.
Períodos de chuva ou chuvisco.
Vento oeste bonançoso a moderado (10/30 km/h), rodando para sudoeste.
MAR DE PEQUENA VAGA A CAVADO.
Ondas noroeste de 3 metros, passando a oeste e aumentando para 4 metros.

Preia-Mar às 15h34 com 1,7 m
Baixa-Mar às 21h37 com 0,3 m

O Sol nasceu às 07h48 e vai pôr-se às 18h123

A temperatura da água é de 15ºC

A temperatura do ar é de 16ºC e Humidade 96%

10 fevereiro 2016

Carnaval 2016 foi calmo apenas com registo de um pequeno incêndio

Os Graciosenses acabaram de celebrar mais um Carnaval, marcado por muita alegria, muitas horas de dança, fantasias e música.
Numa época em que os graciosenses se movimentam muito entre os clubes da ilha durante a noite, não houve na semana de Carnaval registo de nenhum evento grave.
Apenas os Bombeiros Voluntários registaram, na noite de Quinta-feira de Carnaval, uma chamada de emergência para um incêndio.

Segundo soubemos junto do Comandante dos Bombeiros tratou-se de um pequeno incêndio, que deflagrou numa casa de banho, de uma moradia nas Pedras Brancas, Freguesia da Luz. Um curto-circuito terá estado na origem deste incêndio, que danificou apenas esse compartimento da habitação. 

Aterros da Graciosa estão já selados

A Secretaria Regional da Agricultura e Ambiente autorizou a abertura, através da Direção Regional do Ambiente, do concurso para a empreitada de selagem do aterro do Faial, pelo valor global de cerca de 773 mil euros.
Com a construção e funcionamento dos Centros de Processamento em sete das nove ilhas, o objetivo é que a deposição de resíduos seja reduzida, ao mínimo indispensável, e que os atuais locais de deposição a céu aberto, sejam objeto de intervenções de selagem e recuperação paisagística.
Nesse sentido, foram já selados os aterros da Graciosa e das Flores e adjudicadas as obras em Santa Maria e no Corvo, ilha em que também vai ser construído um aterro de inertes.

Segue-se a abertura de concurso para a selagem dos dois aterros em S. Jorge, com o objetivo de, até 2020, preparar a região para reutilização e reciclagem, pelo menos de 50% dos resíduos urbanos.

PSP fiscalizou condutores durante o Carnaval

A PSP de Santa Cruz da Graciosa realizou duas operações de fiscalização rodoviária, no Sábado de Carnaval.
Segundo nota do Comando Regional, foram fiscalizados 26 veículos e detetadas 03 infrações de natureza contraordenacional, por condução de veiculo sem fazer uso do cinto de segurança, por avaria de luzes e por falta de documentos.
Foi efetuada uma segunda operação de fiscalização rodoviária, tendo sido fiscalizados 16 veículos e detetadas 03 infrações de natureza contraordenacional, das quais por condução de veiculo por falta de inspecção e por falta de documentos.

Na sinistralidade rodoviária, entre 05 e 07 de Fevereiro, ocorreram, nos Açores, 25 acidentes de viação, dos quais resultaram 09 feridos ligeiros e danos materiais.

Artigo de Opinião de João Costa intitulado “Cinzas ”

São já quase diárias as exteriorizações que assinalam o estado a que se chegou em termos político-sociais nos Açores.
Das empresas públicas usadas e abusadas pelos interesses da caça ao voto e da sustentação de dependências, passando pela insistente e arrogante catequização de um poder absoluto que impõe uma espécie de razão totalitária, impingindo a sua doutrina na história contemporânea "oficial", não esquecendo os tiques de guardiões vigilantes de comportamentos subversivos, como uma polícia de costumes, que onde quer que haja alguém que conteste o seu livre arbítrio maioritário logo faz notar a sua presença.
Para se ter chegado a este ponto em que já ninguém sabe onde começa e acaba o poder do partido e o poder conferido pela autoridade pública, damos connosco a confundir os representantes do povo com os vigilantes do descontentamento popular.
E este poder de duas décadas de exercício gerou, por entre injustiças e ingratidões, uma ineptidão para inovar e ousar fazer melhor ou fazer diferente.
Ao fim destes 20 anos em que há já uma geração que não sabe fazer outra coisa além de ser de uma determinada organização política de juventude para depois chegar a um qualquer cargo político de pré-idade adulta para, com alguma sorte, poder vir a ser director de qualquer coisa ou administrador de uma qualquer empresa do partido... perdão, queria dizer do Estado!
Por fora desta "elite"(entre aspas por isso mesmo) que se deleita nos jogos de lugares e de cargos remunerados, corre uma maioria de outros talentos, esses sim, com ânsias de levar avante novos projectos de desenvolvimento da sua terra ou do seu projecto profissional.
Nesta proliferação de comissários políticos, investidos na condição de qualquer coisa de importante, perdeu-se o ensejo de fazer coisas novas, de empreender, de ousar pensar e de ter iniciativa, a sua simples missão é de controlar as massas (em duplo sentido) assegurando que onde umas se abespinham, outras mantêm a orquestra a tocar.
Este é o preço que andamos a pagar numa região governada há 20 anos por um mesmo poder, perdido no seu labirinto de razões e de verdades absolutas.
E enquanto não forem os açorianos a querer um tempo novo, não podemos esperar melhor daqueles que só conhecem o tempo que está velho. Gastos nas ideias, usados nos procedimentos, repetentes nos erros e persistentes na teimosia. a nossa sociedade começa a sufocar com tanta verdade formatada ao sabor dos interesses políticos. Não se pode levar uma região ao progresso quando o manto do poder é inquestionável, inultrapassável e insondável.
E se a isso se somam escolhas infelizes de pessoas que saltitam de cargo em cargo, apenas porque sim, porque não têm mais nada que fazer e porque sabem coisas deste, daquela e do outro e não se pode deixar de ajudar quem é chegado e não se quer inconveniente.
Ainda assim, e sem ser munidos de um super-poder, há aqueles que são a excepção que confirma a regra. Como seria bom que outros mais pudessem ter diferentes oportunidades, muitas que ficam pelo caminho da falta de senso de um qualquer missionário do poder.
Este estrangulamento do pensamento e da livre iniciativa começa a pesar em demasia nos Açores do nosso tempo, mas já vai transpirando alguma ânsia pelo fim deste sistema, mesmo que isso possa ser censurável por quem se julga acima da perfeição.
E como têm sempre razão e não cometem erros, provavelmente só se darão conta do final de festa quando já só existirem as cinzas.


Entrevista sobre o Carnaval

No espaço de entrevista de hoje é nossa convidada Teresa Perdigão, Antropóloga da Universidade Nova, que nos deu uma entrevista no Domingo de Carnaval, sobre esta festa e suas particularidades na Graciosa, que está a ser alvo de um estudo.

Uma entrevista para ouvir às 17h30 ou a qualquer hora em www.radiograciosa.com

Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:
Céu geralmente muito nublado. Condições favoráveis à formação de neblinas ou nevoeiro.
Períodos de chuva fraca ou chuvisco.
Vento oeste moderado (20/30 km/h).
Mar cavado.
Ondas noroeste de 2 a 3 metros.

Preia-mar será às 14h50 com 1.7 metros.
Baixa-mar será às 20h53 com 0.3 metros.

O Sol nasceu às 07h50 e vai pôr-se às 18h22

A temperatura da água é de 15ºC.

A temperatura do ar é de 15ºC e Humidade 97%

09 fevereiro 2016

Dia de Entrudo é celebrado hoje

O Carnaval é um período de festas regidas pelo ano lunar que tem suas origens na Antiguidade e recuperadas pelo Cristianismo, que começava no dia de Reis (Epifania) e acabava na Quarta-feira de cinzas, às vésperas da Quaresma. O período do Carnaval era marcado pelo "adeus à carne" ou "carne nada vale" dando origem ao termo "Carnaval". Durante o período do Carnaval havia uma grande concentração de festejos populares. Cada cidade brincava a seu modo, de acordo com seus costumes. O Carnaval moderno, feito de desfiles e fantasias, é produto da sociedade vitoriana do século XIX.
A festa Carnaval teve seus primeiros relatos em Roma no século XI. Em Roma havia uma festa, a Saturnália, em que um carro no formato de navio abria caminho em meio à multidão, que usava máscaras e promovia as mais diversas brincadeiras. Essa festa foi incorporada pela Igreja Católica, e segundo alguns a origem da palavra Carnaval é carrum navalis (carro naval). Essa etimologia, entretanto, já foi contestada. Actualmente a mais aceita é a que liga a palavra "Carnaval" à expressão carne levare, ou seja, afastar a carne, uma espécie de último momento de alegria e festejos profanos antes do período triste da Quaresma.

À sequência do Renascimento o Carnaval adoptou o baile de máscaras, e também as fantasias e carros alegóricos. Ao carácter de festa popular e desorganizada juntaram-se outros tipos de comemoração e progressivamente a festa foi tomando o formato actual, que se preserva especialmente em regiões da França, Itália e Espanha.

Carnaval da Graciosa é um dos mais tradicionais dos Açores

O Carnaval na ilha Graciosa, um dos mais tradicionais nos Açores, é celebrado com muita dança em vários locais da ilha, onde às típicas músicas da quadra se juntam o "baile mandado", dançado a um ritmo mais lento e em roda para "recuperar forças", e ainda a "moda do chocolate", em que os cavalheiros que convidam as senhoras para dançar, têm de lhes oferecer um chocolate no bar.
Este ano, a terça-feira de Carnaval é celebrada a 9 de Fevereiro, mas mal acabou o Natal arrancaram logo os primeiros bailes na ilha.

Alguns clubes abrem portas para a despedida do Carnaval

Nesta terça-feira de Entrudo, são algumas as colectividades que abrem portas, para o tradicional Baile de Despedida do Entrudo.

A Filarmónica União Popular Luzense, a Irmandade do Espírito Santo de Nossa Senhora da Esperança e a Sociedade Filarmónica União Praiense abrem portas para o último pé de dança do ano, com os bailes a terminar quando o relógio chegar à meia-noite.

08 fevereiro 2016

Desfile de Carnaval encheu de alegria e cor o Pavilhão Municipal

O Pavilhão Municipal de Santa Cruz da Graciosa encheu de gente, para assistir ao desfile cheio de muita cor e alegria, das fantasias das 7 colectividades da ilha, que celebram o Carnaval.
Os clubes da ilha apresentaram 19 fantasias, que animaram a tarde de Domingo Gordo na Graciosa.
Desfilaram 568 figurantes, menos 93 dos que os 661 do ano passado.
De realçar ainda o excelente trabalho de decoração, preparação e organização do município e seus trabalhadores, que contribuíram para que as 2 horas de desfile decorressem sem falhas, num pavilhão decorado a preceito para esta época.
A Rádio Graciosa fez a transmissão do desfile, com o apoio da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa.


Associação de Pescadores abre peixaria do Mercado Municipal esta semana

A Associação de Pescadores Graciosenses adjudicou o espaço de peixaria do Mercado Municipal.
A abertura ocorrerá às 9h30 de Quinta-feira, 11 de Fevereiro, com a garantia de ter à disposição da população peixe local de qualidade e bom atendimento.

Este é o segundo espaço de peixaria que a associação abre na Graciosa, sendo uma forma de garantir o escoamento interno do pescado e criação de emprego.

A peixaria do Mercado Municipal terá não só peixe fresco, mas também peixe seco.

Conhecidos resultados do Corta Mato Escolar

A Fase Regional do 12.º Corta-Mato Escolar decorreu no passado dia 30 de janeiro, em São Miguel.
A Graciosa esteve representada no Corta-Mato Regional por 5 atletas da Escola Secundária de Santa Cruz da Graciosa.
Os resultados dos alunos da Graciosa foram de mérito, embora não tenham conseguido lugares de pódio.
Nos Iniciados Femininos, Nélia Santos conseguiu o  26º lugar, nos Iniciados Masculinos, André Veiga ficou no 9º lugar e João Tiago no 10º lugar.
Nos Juvenis Masculinos, Carlos Cunha conseguiu o 8º lugar, o melhor lugar da participação graciosense e Gustavo Costa ficou no 12º lugar.

O CORTA-MATO ESCOLAR visa, entre outros objetivos, aumentar a oferta de atividade física desportiva em meio escolar e apurar os representantes da Região Autónoma dos Açores no Corta-Mato Nacional.

Espaço de Comentários com Valdemiro Vasconcelos

No espaço de comentários de hoje é nosso convidado Valdemiro Vasconcelos.
 As principais notícias da semana passada serão analisadas a partir das 17h30, ou para ouvir a qualquer hora em radiograciosa.com


Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:

Períodos de céu muito nublado com abertas. Aguaceiros fracos e pouco frequentes.
Vento oeste/sudoeste bonançoso a moderado (10/30 km/h).
Mar de pequena vaga a cavado.
Ondas noroeste de 3 a 4 metros.

Preia-mar será às 13h26 com 1.6 m
Baixa-mar será às 19h30 com 0.3 m

O Sol nasceu às 7h52 e vai pôr-se às 18h19

A temperatura da água é de 15ºC

A temperatura do ar é de 16ºC, Humidade 89%

Twitter Facebook Favorites More