Traduzir

23 julho 2018

Bruno Picanço venceu a I Prova de Natação de Águas Abertas “No reino do Paínho-de-Monteiro”

A Associação Graciosense de Promoção de Eventos promoveu, no Sábado, a Primeira Prova de Natação de Águas Abertas.
A prova decorreu na baía da Vila da Praia, com 11 participantes.
Bruno Picanço sagrou-se vencedor, ao percorrer os 5,418 Metros da prova, em 1h:33m,52s.
O nadador graciosense começou há 2 meses, a preparação para esta prova, depois de estar cerca de 10 anos sem praticar a modalidade, de que era atleta do TAC.
Bruno Picanço afirma que é uma modalidade diferente para a ilha, esperando que mais pessoas participem na próxima edição.
Paulo Silva, o segundo classificado e um dos graciosenses em prova, gostou do evento, embora tenha sido difícil, devido às correntes que se faziam sentir.

O percurso B, foi ganho por Mariana Oliveira e no percurso C, de cerca de 200 metros, aberto à população, participaram 10 nadadores, na sua maioria jovens.
Este evento resultou de uma parceria da AGRAPROME com o Parque Natural da Graciosa, Serviço de Desporto da Graciosa e Associação de Natação da Região Açores.
Francisco Andrade, presidente da AGRAPROME, fez um balanço muito positivo do evento, que é para continuar a organizar.
O presidente da Afraprome afirma que é de lamentar dois concorrentes que não puderam participar, por motivos de cancelamentos dos voos da Sata, esperando que em próximas edições a organização tenha mais apoio, para fazer uma prova com maiores dimensões.

A primeira prova de natação de águas abertas 'No reino do Paínho-de-Monteiro”, assinalou o 10º aniversário do Parque Natural da Graciosa e a descoberta do painho-de-monteiro, uma ave endémica dos Açores, que existe apenas na ilha Graciosa.












Deputado José Ávila interveio sobre transportes marítimos e situação da Cofaco

No plenário de Julho, da Assembleia Legislativa Regional dos Açores, José Ávila, deputado do PS eleito pela Graciosa, participou no debate sobre uma proposta para um estudo sobre modelos alternativos de transportes marítimos.
O deputado Graciosense falou de estudos já realizados, que destacam para modelos que, num dos casos tornaria o transporte mais caro e noutros dois casos apesar de mais barato, não libertaria fundos para os transportes inter-ilhas.
José Ávila alertou que, sem o atual modelo e obrigação de serviço público, os armadores iriam praticar os preços que quisessem e escalar as ilhas que entendessem ser lucrativas.

O deputado apresentou ainda um relatório sobre a situação da Cofaco, resultado de um grupo de trabalho.

Nova direção da AFAH iniciou trabalho com os clubes para a nova época

A Associação de Futebol de Angra do Heroísmo constituiu nova Direção, liderada por Paulo Gomes.
A nova direção foi eleita no passado dia 23 de Junho e tomou posse no passado dia 6 de Julho.
Paulo Gomes esteve na ilha Graciosa, pela primeira vez desde que assumiu os destinos da Associação de Futebol de Angra.
Nesta primeira deslocação à Graciosa, decorreram reuniões com o Presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa e com os Clubes de Futebol da Ilha Graciosa.
Paulo Gomes disse, em entrevista à Rádio Graciosa, que começou já a cumprir aquilo a que se propôs durante a campanha, que é uma maior proximidade às outras ilhas de jurisdição da Associação, Graciosa e São Jorge.
Nos encontros, esteve em cima da mesa a necessidade de um espaço para a Associação na Graciosa e também a utilização dos recintos desportivos, que terão um esforço muito maior na próxima época de futebol.
Uma das novidades da nova direção é a existência de um vice-presidente para cada uma das ilhas, no caso da Graciosa é João Picanço o vice-presidente.
Paulo Gomes afirma que é uma decisão que “peca por tardia” e que é uma das “melhores medidas deste mandato”.
Manuel Costa, mais conhecido como “Chalana”, é o vice-presidente da AFAH para o futebol.
O dirigente afirma que é um mérito a Graciosa ser uma das ilhas mais representadas, no Campeonato de Futebol dos Açores, mas traz dificuldades ao futebol local nas épocas seguintes.
Da reunião com os clubes, Manuel Costa afirma não ser certo ainda de haverá ou não futebol no escalão sénior, pois são grandes as dificuldades que os clubes atravessam para conseguir formar equipa.
No entanto, a Associação mostra-se disponível para ajudar naquilo que puder, pois era importante que não deixasse de existir o escalão sénior.

Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:
Períodos de céu muito nublado com abertas.
Aguaceiros.
Vento norte bonançoso (10/20 km/h).
Mar de pequena vaga.
Ondas norte de 1 metro.

Preia-mar será às 23h03 com 1.3 m
Baixa-mar será às 17h05 com 0.6 m

O Sol nasceu às 6h43 e vai pôr-se às 21h11
Índice de Ultravioleta, 8 Muito Elevado

A temperatura da água é de 22ºC
A temperatura do ar é de 21ºC, Humidade 88%

Máxima de 26º, Mínima de 21º

20 julho 2018

Resumo Semanal de 16 a 20 de Julho de 2018


PSD Graciosa afirma que gostaria que “se governasse para o bem de todos e não sempre para os mesmos”


Refere o PSD que “a visita do governo à Graciosa veio trazer mais do mesmo, o governo diz o que pensa e impõe a sua versão dos fatos, mesmo que isso não corresponda à realidade”.
 O governo apresentou o anteprojeto da obra da nova aerogare “mas esqueceu-se que já tinha apresentado este projeto em março de 2016, anunciando que a obra começava até ao final daquele ano”, lembra o PSD, afrirmando que agora apresentam um anteprojeto que “talvez, consiga a obra estar feita lá para 2024”.
O PSD afirma que só os assuntos “da mobilidade e da saúde eram mais do que suficientes para se exigir uma outra atitude do governo” e alerta que “todas as obras inauguradas ou visitadas contam com anos de atraso e são o que o governo tem para apresentar de positivo”.
A terminar o PSD Graciosa refere que “esta visita estatutária provou que temos um governo que não sai da habitual propaganda e não responde aos verdadeiros anseios da ilha e do seu desenvolvimento.”




Obra de proteção costeira da muralha da Vila da Praia deverá arrancar em setembro

A obra de proteção costeira da muralha da Vila da Praia, na Graciosa, está em fase de consulta a empresas até 16 de julho, sendo expectável que a obra arranque durante o mês de setembro.
O investimento de cerca de 160 mil euros, tem como objetivo travar a degradação da estrutura da muralha causada pelo mar.



Novo matadouro deverá entrar em funcionamento no início de 2019

Durante a visita estatutária do Governo Regional, João Ponte assegurou que a obra do Matadouro da Graciosa decorre dentro da normalidade, estimando que o novo matadouro entre em funcionamento no início de 2019.
Nos últimos quatros anos, os abates na Graciosa cresceram 65%, enquanto a média regional atingiu 22%.



Obra da Marina da Barra decorre a bom ritmo e deverá estar concluída no final do ano

A obra de proteção e estabilização da zona costeira da Barra, em Santa Cruz da Graciosa, está a decorrer “a bom ritmo”, depois de ter sofrido algumas interrupções devido a condições meteorológicas adversas.
Em reunião entre governo e o conselho de Ilha, Gui Meneses, afirmou que a obra deverá estar concluída no final deste ano.




Melhoria genética de 200 bovinos na Graciosa

Trata-se de um investimento de 10 mil euros, que se estima que abranja cerca de duas centenas de animais, através de um protocolo de colaboração entre a Secretaria Regional da Agricultura e Florestas, a Associação de Agricultores da Graciosa e a Associação de Jovens Agricultores Graciosenses.




Câmara Municipal colaborou no Dia da Defesa Nacional

No âmbito da 14.ª edição do Dia da Defesa Nacional, que teve lugar na Graciosa no passado dia 9 de julho, e à semelhança do que tem acontecido nos últimos anos, a Câmara Municipal colaborou com o Ministério da Defesa Nacional, através da cedência do Multiusos da Graciosa e do transporte dos participantes.
Manuel Avelar Santos, Presidente da Câmara Municipal, foi também convidado para fazer uma pequena apresentação a estes jovens cidadãos. Durante uma conversa informal, foram abordados variados temas, como o poder local, o papel das forças armadas na nossa ilha, a importância de uma carreia profissional nas forças armadas, entre outros.



Bote São João em terceiro lugar na regata de remo do Campeonato Regional de Botes Baleeiros

A Direção Regional da Cultura promoveu, de 13 a 15 de julho, o III Campeonato Regional de Botes Baleeiros, que teve lugar pela primeira vez na ilha Terceira, em São Mateus da Calheta.
O campeonato foi disputado entre equipas de Santa Maria, São Miguel, Terceira, Graciosa, Pico, Faial e Flores, num total de cerca de 160 participantes e 13 botes baleeiros, nas modalidades de vela e remo, com três lanchas de apoio.
O Clube Naval da Ilha Graciosa participou com o Bote “São João” e sua companha, tendo vencido o prémio do terceiro lugar, da prova de remo em masculinos.




‘Pesca na Ilha’ vai promover peixe seco e algas da Graciosa

A iniciativa, tem como objetivo valorizar determinados produtos da pesca, “lançando ideias para novas formas de os confecionar”, mas também “dar outro entendimento do que é a pesca, valorizando esta atividade, que é muito importante na Região e que necessita de ser melhor compreendida”.
A iniciativa 'Pesca na Ilha', promovida pela Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia, através da Direção Regional das Pescas, envolve toda a fileira da pesca, desde pescadores e armadores, a investigadores, gestores e comerciantes, bem como o setor da restauração.
O próximo evento ‘Pesca na Ilha’ vai realizar-se, em agosto, na Graciosa, sendo que os produtos em destaque serão o peixe seco e as algas.




Proposta para a Graciosa no Orçamento de Participativo de Portugal está em fase de votação

A ilha Graciosa conta com uma ante proposta, entre as mais de mil propostas apresentadas ao Orçamento Participativo de Portugal.
A ante-proposta  - #619 Graciosa Cultura - visa a criação de um espaço físico e virtual para a cultura e as artes plásticas.
O Projecto do Orçamento Participativo de Portugal 2018, já está em fase de votação.




Junta de Santa Cruz recolheu 944 kg de resíduos da orla costeira

A Junta de Freguesia de Santa Cruz da Graciosa, procedeu à limpeza de toda a orla costeira entre Santa Catarina e Pesqueira.



Dormidas na Graciosa subiram 28,2 % em Maio mas com descida de 2,9% no acumulado entre Janeiro e Maio

Em Maio, a Graciosa registou 1 223 dormidas, um aumento de 28,2, em comparação com o mesmo mês de 2017, revelam os dados do Serviço Regional de Estatistica. A taxa de ocupação foi de 22,5% e estada média de 2,57 noites, com aumentos de 4,9 e de 4,0 %, respetivamente. 
Quanto a proveitos, os totais foram de 45.183 euros, dos quais 40 110 euros de aposento e 5.073 euros de restauração.
Em termos de variações homólogas acumuladas, de janeiro a maio, as ilhas que apresentaram variações homólogas positivas foram as ilhas do Pico, do Corvo, de São Jorge, do Faial, de São Miguel e da Terceira, que apresentaram variações respetivamente de, 16,3%, 13,8%, 8,8%, 6,7%, 1,9% e 1,9%. As ilhas de Santa Maria, da Graciosa e das Flores apresentaram variações negativas respetivamente de 8,4%, 2,9% e de 0,6%. 
Na Região Autónoma dos Açores, no mês de maio, os estabelecimentos hoteleiros registaram 177,6 mil dormidas, representando um decréscimo homólogo de 0,8%.





Iluminação do Porto de Pescas de Santa Cruz começa no final do verão

Para além da iluminação e da reestruturação da rede elétrica do porto, estão ainda previstos na empreitada os trabalhos de remoção e colocação dos blocos de betão no extradorso do molhe e alteamento do maciço da grua.
Este investimento tem o valor de cerca de 89 mil euros.




Primeira Prova de Natação de Águas Abertas da Graciosa realiza-se amanhã

A Associação Graciosense de Promoção de Eventos promove a Primeira Prova de Natação de Águas Abertas.
Estão inscritos 11 participantes e destacam-se 3 graciosenses, nadadpres da Terceira, do Faial e alguns estrangeiros.
Serão 3 os percursos, sendo o mais longo de 5 Km, com saída da praia, volta ao Ilheú e regresso à praia. O percurso B, consta de saída do ilheú, até ao areal e o percurso C, de cerca de 300 metros, é aberto à população, com inscrições a decorrer no local.
Francisco Andrade, presidente da AGRAPROME, afirma que esta prova tem como objetivo desenvolver mais uma modalidade de mar na Graciosa.




Associação de Pescadores Graciosenses e Universidade dos Açores preparam estudo científico sobre a sustentabilidade da apanha de algas

O objetivo é perceber que níveis de captura de algas" é possível ter em cada ilha, a fim de manter a sustentabilidade deste recurso.
Este projeto científico irá realizar-se no âmbito do novo regime de apoio do Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos e das Pescas (FEAMP) que o Governo dos Açores lançou no final de maio com o objetivo de acelerar a transferência de conhecimento entre cientistas e pescadores, de modo “a promover uma pesca mais sustentável” no arquipélago.
A Associação de Pescadores Graciosenses foi impulsionadora da atividade de apanha de algas na região.


Primeira Prova de Natação de Águas Abertas da Graciosa realiza-se este Sábado

A Associação Graciosense de Promoção de Eventos promove, no Sábado, a Primeira Prova de Natação de Águas Abertas.
A prova inicia-se às 14 horas, na baía da Vila da Praia e estão inscritos 11 participantes. Entre os participantes destacam-se 3 graciosenses, participantes da Terceira, do Faial e alguns estrangeiros.
Serão 3 os percursos, sendo o mais longo de 5 Km, com saída da praia, volta ao Ilheú e regresso à praia. O percurso B, consta de saída do ilheú, até ao areal e o percurso C, de cerca de 300 metros, é aberto à população, com inscrições a decorrer no local.
A cerimónia de entrega de troféus decorrerá também no areal, no sábado, a partir das 17 horas.
Francisco Andrade, presidente da AGRAPROME, afirma que esta prova tem como objetivo desenvolver mais uma modalidade de mar na Graciosa.
Este evento resulta de uma parceria da AGRAPROME com o Parque Natural da Graciosa, Serviço de Desporto da Graciosa e Associação de Natação da Região Açores.

A primeira prova de natação de águas abertas 'No reino do Paínho-de-Monteiro” assinala o 10º aniversário do Parque Natural da Graciosa e a descoberta do painho-de-monteiro, uma ave endémica dos Açores, que existe apenas na ilha Graciosa. 

Associação de Pescadores Graciosenses e Universidade dos Açores preparam estudo científico sobre a sustentabilidade da apanha de algas

O Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia disse que está a ser preparada uma parceria entre a Associação de Pescadores Graciosenses e a Universidade dos Açores para a realização de um estudo científico mais detalhado sobre a sustentabilidade da apanha de algas nos Açores.
O objetivo é perceber que níveis de captura de algas" é possível ter em cada ilha, a fim de manter a sustentabilidade deste recurso.
Este projeto científico irá realizar-se no âmbito do novo regime de apoio do Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos e das Pescas (FEAMP) que o Governo dos Açores lançou no final de maio com o objetivo de acelerar a transferência de conhecimento entre cientistas e pescadores, de modo “a promover uma pesca mais sustentável” no arquipélago.

A Associação de Pescadores Graciosenses foi impulsionadora da atividade de apanha de algas na região.

Fonte: GACS

Assembleia aprova Voto de Congratulação pelo Restauro do Retábulo-Mor e seus Painéis Quinhentistas da Igreja Matriz de Santa Cruz da Graciosa

A Assembleia Legislativa aprovou na Quinta-feira, um voto de congratulação pela intervenção de conservação e restauro no retábulo da Igreja Matriz.
O voto apresentado pelo deputado do PS, Ricardo Ramalho, destaca que "a intervenção de conservação e restauro deste valioso conjunto veio devolver a dignidade merecida a esta obra de grande valor artístico, acrescentando uma mais-valia ao turismo cultural, religioso e histórico que a ilha Graciosa tem para oferecer, sendo um ponto obrigatório de visita."
A intervenção de conservação e restauro, que esteve a cargo do ACROARTE - Atelier de Conservação e Restauro de Obras de Arte São Jorge, envolveu sete técnicos e teve uma duração de cerca de um ano, procurando eliminar as causas de degradação através da correção de problemas estruturais ao nível do tardoz e respetiva parede e de intervenções anteriores de má qualidade.
O tratamento efetuado teve a função de estabilizar o processo de degradação da obra e recuperar a mesma do ponto de vista físico e estético, perpetuando-a no tempo para futuras gerações.
O restauro custou quase 75 mil euros. Metade desse valor veio do Governo Regional e o restante de donativos de inúmeros graciosenses. 


"Assim, nos termos regimentais aplicáveis, o Grupo Parlamentar do Partido Socialista propõe que a Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, reunida em plenário de julho, emita o seguinte voto de congratulação:
A Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, congratula-se pelo restauro do Retábulo-Mor e seus Painéis Quinhentistas, da Igreja Matriz de Santa Cruz da Graciosa, sendo esta congratulação extensiva a todos os membros da Comissão Fabriqueira da Igreja Matriz, ao Pároco Sérgio Mendonça, à Ouvidoria da Graciosa e a todos os graciosenses que contribuíram para a recuperação deste valioso património.
Do presente voto deve ser dado conhecimento à Comissão Fabriqueira da Igreja Matriz, à Ouvidoria da Graciosa, ao Atelier de Conservação e Restauro de Obras de Arte São Jorge, à Diocese de Angra, Direção Regional da Cultura, Câmara e Assembleia Municipal de Santa Cruz da Graciosa."


A Igreja Matriz de Santa Cruz localiza-se na freguesia e Concelho de Santa Cruz da Graciosa e remonta a um primitivo templo edificado no local, onde o primeiro capitão-donatário da ilha fez erguer a sua casa.
Construída no século XVI, a Igreja foi ampliada durante o século XVIII e encontra-se classificada como Imóvel de Interesse Público pela Resolução n.º 58/96, de 4 de abril. 
Posteriormente, com a criação da zona classificada de Santa Cruz da Graciosa, este templo passou a estar abrangido nesse espaço classificado.
A atual Igreja caracteriza-se pelo seu aspeto construtivo e estilo arquitetónico barroco, embora conservando detalhes do estilo manuelino no seu interior, nomeadamente na abóbada do batistério e no importante retábulo existente na capela-mor.
O retábulo-mor da Igreja, de estilo Maneirista, um dos poucos existentes nos Açores, foi construído entre 1690 e 1694 pelo imaginário Manuel Fernandes, da ilha Terceira, com um custo de 115 mil reis. O seu douramento foi efetuado entre 1695 e 1706 por Sebastião Gomes da Fonseca, pintor e dourador da cidade de Angra do Heroísmo, custando 300 mil reis. A obra foi realizada para albergar os seis painéis quinhentistas que pertenciam ao primitivo retábulo da Matriz, datado do século XVI.
Os 6 painéis quinhentistas do retábulo-mor valorizam um dos altares do século XVI mais importantes dos Açores.
Alguns Historiadores atribuíram a autoria das tábuas, agora recuperadas, a Mestre Arruda dos Vinhos, artista com atividade em Lisboa entre 1540 e 1560 e autor de painéis semelhantes do antigo retábulo do Mosteiro de Santa Cruz de Coimbra, entre 1522 e 1530.

A Igreja Matriz, de origem quinhentista e muito alterada por reconstrução entre 1722 e 1743, ostenta seis pinturas do Mestre de Arruda dos Vinhos. O Caminho do Calvário, Calvário, a Deposição de Cristo, Santa Helena e a Invenção da Cruz, O Imperador Heráclio e a Exaltação da Cruz e Pentecostes, são as seis obras de arte atribuídas a este autor.
Passados mais de 300 anos, era imperiosa uma intervenção de conservação e restauro neste retábulo, não só pelo mau estado de conservação em que este se encontrava, mas também pelo enorme valor artístico e religioso que este representa para a ilha Graciosa, por conter um conjunto de pinturas quinhentistas de relevante valor, estando estas entre as pinturas de maior qualidade dos Açores.

Filarmónica da Luz parte hoje em digressão ao Faial


A Filarmónica União Popular Luzense parte hoje em digressão ao Faial.
A viagem ocorre até Segunda-feira, com uma comitiva de cerca de 96 pessoas,  das quais 45 são músicos e dirigentes.

Esta viagem decorre através de um intercâmbio e a filarmónica da Freguesia da Luz vai realizar um concerto, este sábado, na sede da Filarmónica Unânime Praiense, para a população da Praia de Almoxarife.




Junta da Luz procedeu a arranjos na Beira-Mar da Luz

A Junta de Freguesia da Luz procedeu à recuperação e beneficiação do património da Baía do Filipe.
Os trabalhos constaram de corte de erva, pinturas e remoção de lixo, na Beira Mar da Luz.

A Baía do Filipe é uma zona muito procurada pelos turistas para apreciarem a linda paisagem que esta baía oferece.

Fonte: Junta da Luz (Facebook)

Festa da Fonte do Mato decorre este fim-de-semana

Continuam as tradicionais festas populares e tradicionais da Graciosa.
Este fim-de-semana é a vez da Festa da Fonte do Mato, às suas padroeiras Santa Quitéria e Srª do Livramento.

As festividades começam Sábado e decorrem durante três dias com tourada, concertos, folclore e procissões.

Tempo vai manter-se instável no fim-de-semana

Segundo os prognósticos de superfície do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, delegação dos Açores, o tempo estará instável no fim-de-semana.
Nos próximos dias, "a região será influenciada por uma circulação anticiclónica com vento de nordeste rodando para norte.
São esperadas abertas, havendo a possibilidade de ocorrência de aguaceiros fracos, especialmente a partir de sábado.”

Fonte: IPMA- Delegação Açores


Entrevista com novo presidente da Filarmónica União e Progresso de Guadalupe

Na entrevista desta Sexta-feira, é nosso convidado Duarte Picanço, recém-eleito presidente da Filarmónica União e Progresso de Guadalupe, para nos falar dos projetos da nova direção para a filarmónica da Freguesia de Guadalupe.

Uma entrevista para ouvir às 17h30 ou a qualquer hora em www.radiograciosa.com

Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:
Períodos de céu muito nublado com boas abertas.
Possibilidade de aguaceiros fracos.
Vento nordeste bonançoso a moderado (10/30 km/h).
MAR DE PEQUENA VAGA.
Ondas norte de 1 a 2 metros.

Baixa-Mar às 13h44 com 0,7 m
Preia-Mar às 19h56 com 1,4 m

O Sol nasceu às 06h41 e vai pôr-se às 21h13
Índice de Ultravioleta, 7 Elevado

A temperatura da água é de 22ºC
A temperatura do ar é de 22ºC e Humidade 75%

Máxima de 24º, Mínima de 19º

19 julho 2018

Dormidas na Graciosa subiram 28,2 % em Maio mas com descida de 2,9% no acumulado entre Janeiro e Maio

Na Região Autónoma dos Açores, no mês de maio, os estabelecimentos hoteleiros registaram 177,6 mil dormidas, representando um decréscimo homólogo de 0,8%.
Em Maio, a Graciosa registou 1 223 dormidas, um aumento de 28,2, em comparação com o mesmo mês de 2017, revelam os dados do Serviço Regional de Estatistica. A taxa de ocupação foi de 22,5% e estada média de 2,57 noites, com aumentos de 4,9 e de 4,0 %, respetivamente. 
Quanto a proveitos, os totais foram de 45.183 euros, dos quais 40 110 euros de aposento e 5.073 euros de restauração.
Em termos de variações homólogas acumuladas, de janeiro a maio, as ilhas que apresentaram variações homólogas positivas foram as ilhas do Pico, do Corvo, de São Jorge, do Faial, de São Miguel e da Terceira, que apresentaram variações respetivamente de, 16,3%, 13,8%, 8,8%, 6,7%, 1,9% e 1,9%. As ilhas de Santa Maria, da Graciosa e das Flores apresentaram variações negativas respetivamente de 8,4%, 2,9% e de 0,6%.

Zonas balneares costeiras da Graciosa mantêm água de qualidade

A Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa tornou público o resultado das análises, às águas balneares costeiras da Graciosa.
No passado dia 25 de Junho, foram recolhidas amostras para análises nos Poceirões, Porto Afonso, Porto da Folga e Barro Vermelho, que comprovam a qualidade destas águas.
As análises foram realizadas pelo INOVA.

Iluminação do Porto de Pescas de Santa Cruz começa no final do verão

O Governo dos Açores procedeu à reformulação do projeto de iluminação do Porto de Pescas de Santa Cruz da Graciosa, “de acordo com as pretensões e as necessidades dos seus utilizadores”.
Gui Menezes, que falava durante uma visita ao local no âmbito da visita estatutária do Governo Regional, salientou que o procedimento de contratação pública desta empreitada “está em fase de consulta às empresas, estando previsto o início dos trabalhos no final do terceiro trimestre deste ano".
Este investimento, no valor de cerca de 89 mil euros, vem na sequência da intervenção realizada no porto de pescas “com o objetivo de melhorar as condições de operacionalidade e de segurança”, afirmou.
Para além da iluminação e da reestruturação da rede elétrica do porto, estão ainda previstos na empreitada os trabalhos de remoção e colocação dos blocos de betão no extradorso do molhe e alteamento do maciço da grua.

O Governo dos Açores promoveu a consolidação do Porto de Pescas de Santa Cruz, uma empreitada no valor de cerca de 490 mil euros que ficou concluída em julho de 2017, tendo-se procedido também à reparação da escaleira.

Campeonato de Futebol dos Açores arranca a 23 de Setembro

O Campeonato de Futebol dos Açores 2018/19, vai realizar-se entre 23 de Setembro de 2018 e 12 de Maio de 2019.
A Associação de Futebol de Ponta Delgada, organizadora da prova, divulgou o calendário da prova, em que vão participar três equipas da Graciosa, o Sport Club Maritimo, Sporting Clube de Guadalupe e o Graciosa Futebol Clube.
Haverá paragens para as eliminatórias da Taça de Portugal, sendo a primeira a 9 de Setembro.
Os representantes dos clubes da Graciosa deslocam-se a São Miguel, no final deste mês, para a realização do sorteio.

De referir ainda que, de acordo com o regulamento, o valor da taxa de realização de cada jogo é de 350 euros, o preço dos bilhetes terá um valor máximo de 5 euros e o valor da taxa de alteração dos jogos, pedidas entre 5º e o 9º dia útil, antes do jogo é de 100 euros.

Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:
Períodos de céu muito nublado com abertas.
Aguaceiros fracos.
Vento nordeste bonançoso a moderado (10/30 km/h).
Mar de pequena vaga a cavado.
Ondas norte de 1 a 2 metros, passando a nordeste.

Preia-Mar às 18h48 com 1,4 m
Baixa-Mar às 12h34 com 0,6 m

O Sol nasceu às 06h40 e vai pôr-se às 21h14
Índice de Ultravioleta é 8, Muito Elevado

A temperatura da água é de 22ºC
A temperatura do ar é de 22ºC e Humidade 78%
Máxima de 24º, Mínima de 18º


18 julho 2018

‘Pesca na Ilha’ vai promover peixe seco e algas da Graciosa

O Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia apresentou, na Calheta, em São Jorge, a iniciativa ‘Pesca na Ilha’, que pretende “promover os produtos da pesca mais icónicos de cada ilha”, aproveitando as festividades de cada um dos concelhos dos Açores.
 A iniciativa, tem como objetivo valorizar determinados produtos da pesca, “lançando ideias para novas formas de os confecionar”, mas também “dar outro entendimento do que é a pesca, valorizando esta atividade, que é muito importante na Região e que necessita de ser melhor compreendida”.
A iniciativa 'Pesca na Ilha', promovida pela Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia, através da Direção Regional das Pescas, envolve toda a fileira da pesca, desde pescadores e armadores, a investigadores, gestores e comerciantes, bem como o setor da restauração.
O próximo evento ‘Pesca na Ilha’ vai realizar-se, em agosto, na Graciosa, sendo que os produtos em destaque serão o peixe seco e as algas.
No caso da ilha de São Jorge, os produtos da pesca identificados foram o atum da conserveira Santa Catarina, e as ameijoas da Fajã de Santo Cristo.

Foto: Publico


Proposta para a Graciosa no Orçamento de Participativo de Portugal está em fase de votação

A ilha Graciosa conta com uma proposta, entre as mais de mil propostas apresentadas ao Orçamento Participativo de Portugal.
A ante-proposta  - #619 Graciosa Cultura - visa a criação de um espaço físico e virtual para a cultura e as artes plásticas.
O Projecto do Orçamento Participativo de Portugal 2018, já está em fase de votação.

O objectivo, deste projeto da iniciativa de Paulo Bettencpppurt, é fornecer aos artistas locais, regionais e nacionais uma plataforma física e uma plataforma virtual para apoiar, capacitar e promover o trabalho deles. Afim de enriquecer a comunidade através das artes visuais – incluindo aguarela e pintura a óleo, desenho, fotografia e vídeo, cerâmica e vidro, madeira, arte em fibra e escultura. Todos os eventos serão oportunidades para o público ver e possuir obras de arte originais.
Os artistas também estarão activos na comunidade em geral, com um programa que realiza oficinas de arte para crianças, etc...
Se o impulso registado no turismo interno já é uma realidade, não menos real é a possibilidade concreta de tornar a Ilha Graciosa e a Região Autónoma dos Açores, cada vez mais, destino turístico internacional.

Esta ante proposta, a aplicar nos municípios de Santa Cruz Da Graciosa, Vila Do Porto, Ponta Delgada, Ribeira Grande, Angra Do Heroísmo, concorre com cerca de 20 propostas, inseridas na Região Autónoma dos Açores, onde estão destinados 300 000.00 euros, dos 5 milhões de euros OPP, para a realização dos projectos.

Junta de Santa Cruz recolheu 944 kg de resíduos da orla costeira

A Junta de Freguesia de Santa Cruz da Graciosa, procedeu à limpeza de toda a orla costeira entre Santa Catarina e Pesqueira.


Ao longo de dois dias, os colaboradores da Junta, recolheram 944 kg de resíduos, destacando-se o volume de madeiras e indeferenciados, em cerca de 500 kg. 
Foram recolhidos ainda, 310 kg de plástico, 20 kg de vidro e 110 kg de metal.
Esta ação insere-se no projeto eco-freguesia, galardão que a freguesia de Santa Cruz ostenta.
Em nota de imprensa, a autarquia alerta para que todos os cidadãos “zelem pelo meio ambiente, sobretudo nesta época em que muitos nos visitam”.

PSP deteve homem por condução sob a influência de álcool

A PSP de Santa Cruz da Graciosa realizou uma detenção na passada Sexta-feira, dia 13 de Julho.

Segundo informação do Comando Regional, “foi detido, um indivíduo do sexo masculino, de 56 anos de idade, por condução de um veículo, sob a influência de álcool, com uma TAS de 1.78 g/l.”

Regulamento de acesso ao Ilhéu da Praia contribui para a fruição e conservação dos seus valores naturais

A Secretária Regional da Energia, Ambiente e Turismo salientou a criação do regulamento de acesso ao Ilhéu da Praia, na Graciosa, como mais “um importante passo” na gestão de acesso e circulação de pessoas, compatibilizando a fruição e a conservação dos valores naturais existentes nesta Reserva Natural.
“Queremos partilhar o nosso património ambiental, porque é por via da autenticidade dos nossos recursos que somos procurados e reconhecidos internacionalmente, mas sabemos também que precisamos de estar atentos e de implementar medidas que salvaguardem estas especificidades”, afirmou Marta Guerreiro, acrescentando “que os regulamentos de acesso, como é o caso do Ilhéu da Praia, espelham essas preocupações" do Governo dos Açores.
A titular da pasta do Ambiente, que visitou o ilheú na semana passada,  realçou “os objetivos de gestão e preservação de habitats, ecossistemas e espécies, bem como a proteção das caraterísticas estruturais da paisagem, nomeadamente dos elementos geológicos, geomorfológicos e afloramentos rochosos”.
Segundo a governante, “pela importância deste património ambiental, a criação do regulamento, em vigor desde 1 de julho, determina que o acesso se deve restringir a visitas acompanhadas por Guias de Parques Naturais dos Açores e com a presença de elementos do corpo de Vigilantes da Natureza, incidindo numa zona demarcada na parte leste do ilhéu”, sendo também implementada uma taxa de quatro euros por visitante, exceto residentes nos Açores, valor que será aplicado em ações de conservação da natureza e de divulgação do património natural da Graciosa".

Com uma capacidade de carga máxima de 20 visitantes diários, as visitas decorrem entre 1 de julho e 15 de novembro, no máximo dois dias por semana, e no período de 16 de novembro a 15 de abril, até cinco dias por semana.

Entrevista com novo presidente do Graciosa Futebol Club

No espaço de entrevista desta Quarta-feira, é nosso convidado André Silva, Presidente do Graciosa Futebol Club, para nos falar do objetivo da nova direção para este mandato e dos objetivos para a primeira época no clube no Campeonato de Futebol dos Açores.
Uma entrevista para ouvir às 17h30, ou a qualquer hora em www.radiograciosa.com



Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:
Períodos de céu muito nublado com boas abertas na madrugada e manhã.
Aguaceiros em geral fracos.
Vento fraco (05/12 km/h) na madrugada, tornando-se norte moderado (20/30 km/h).
MAR ENCRESPADO TORNANDO-SE DE PEQUENA VAGA.

Preia-mar será às 17h48 com 1.5 metros.
Baixa-mar será às 11h32 com 0.5 metros.

O Sol nasceu às 06h39 e vai pôr-se às 21h15
Índice de Ultravioleta, 7 Elevado

A temperatura da água é de 22ºC.
A temperatura do ar é de 22ºC e Humidade 85%

Máxima de 26º, Mínima de 19º

17 julho 2018

Obra da Marina da Barra decorre a bom ritmo e deverá estar concluída no final do ano

O Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia afirmou que a obra de proteção e estabilização da zona costeira da Barra, em Santa Cruz da Graciosa, está a decorrer “a bom ritmo”, depois de ter sofrido algumas interrupções devido a condições meteorológicas adversas.
A intervenção tem “algumas particularidades”, nomeadamente a utilização de estruturas inovadoras, os 'accropodes', “que necessitam de algum trabalho no mar”, e que exige, por isso, “boas condições meteorológicas”.
A obra de proteção e requalificação da Baía da Barra, que corresponde a um investimento superior a 7,5 milhões de euros, cofinanciado por fundos estruturais europeus, consiste na construção de um quebra-mar, de alinhamento elíptico, em consonância com a forma do saco do Portinho da Barra, com cerca de 225 m de comprimento e enraizado no lado norte da baía.
Foi já construído um terrapleno, com cerca de 3.500 m2 de área, estando ainda prevista a construção de um molhe-cais na margem sul da baía, com cerca de 85 metros de comprimento, e de um passadiço de madeira sobrelevado, com 82 metros.
Neste momento, está a ser concluída a dragagem da baía e do acesso marítimo.
A Poça das Salemas, um dos ex-libris da baía, foi preservada, sendo que esta obra poderá potenciar as suas valências enquanto zona balnear e de lazer.

Melhoria genética de 200 bovinos na Graciosa

O Governo dos Açores vai apoiar os agricultores da ilha Graciosa, a acelerar o melhoramento genético dos seus efetivos bovinos, através da inseminação artificial com sémen sexado.
Trata-se de um investimento de 10 mil euros, que se estima que abranja cerca de duas centenas de animais, através de um protocolo de colaboração entre a Secretaria Regional da Agricultura e Florestas, a Associação de Agricultores da Graciosa e a Associação de Jovens Agricultores Graciosenses.
No primeiro dia da visita estatutária do Governo Regional à Graciosa, o titular da pasta da Agricultura acrescentou que será comparticipada a primeira inseminação artificial com sémen sexado de cada novilha, um processo que contará com o apoio técnico da cooperativa UNICOL.
 Serão inseminadas fêmeas de 15 a 18 meses de idade, com, pelo menos, 350 quilos, porque há uma maior taxa de sucesso.
“Esta medida insere-se na estratégia do Governo dos Acores de melhorar a rentabilidade das explorações leiteiras e, por outro lado, é uma medida que visa salvaguardar o elevado estatuto sanitário que existe na Região e, em particular, na ilha Graciosa”, disse João Ponte.
Nesse sentido, salientou que a Graciosa está abrangida pelo estatuto de ilha oficialmente indemne de Brucelose, Tuberculose e Leucose.
O governante afirmou ainda que, com as inseminações artificiais que serão feitas, será possível obter uma “descendência de elite”, proporcionando melhores resultados e rendimentos aos agricultores da ilha Graciosa.



Fonte: GACS

Câmara Municipal colaborou no Dia da Defesa Nacional

No âmbito da 14.ª edição do Dia da Defesa Nacional, que teve lugar na Graciosa no passado dia 9 de julho, e à semelhança do que tem acontecido nos últimos anos, a Câmara Municipal colaborou com o Ministério da Defesa Nacional, através da cedência do Multiusos da Graciosa e do transporte dos participantes.
Manuel Avelar Santos, Presidente da Câmara Municipal, foi também convidado para fazer uma pequena apresentação a estes jovens cidadãos. Durante uma conversa informal, foram abordados variados temas, como o poder local, o papel das forças armadas na nossa ilha, a importância de uma carreia profissional nas forças armadas, entre outros.
Todos os cidadãos nascidos em 1999 foram convocados para as atividades que se desenvolveram ao longo do dia, tendo uma parte decorrido em terra e outra a bordo de um navio da Marinha Portuguesa.
Os jovens tiveram a oportunidade assistir a diversas palestras, com o intuito de ficarem a conhecer um pouco melhor as forças armadas nacionais, numa perspetiva de abertura de horizontes e de possibilidades de um futuro profissional.

Bote São João em terceiro lugar na regata de remo do Campeonato Regional de Botes Baleeiros

A Direção Regional da Cultura promoveu, de 13 a 15 de julho, o III Campeonato Regional de Botes Baleeiros, que teve lugar pela primeira vez na ilha Terceira, em São Mateus da Calheta.
O campeonato foi disputado entre equipas de Santa Maria, São Miguel, Terceira, Graciosa, Pico, Faial e Flores, num total de cerca de 160 participantes e 13 botes baleeiros, nas modalidades de vela e remo, com três lanchas de apoio.
O Clube Naval da Ilha Graciosa participou com o Bote “São João” e sua companha, tendo vencido o prémio do terceiro lugar, da prova de remo em masculinos.
Esta terceira edição do campeonato decorreu sexta-feira, sábado e domingo, com um total de nove regatas.


Fotos: Nuno Betencourt (Facebook)

Novo presidente da AFAH estará Sexta-feira na Graciosa

A Associação de Futebol de Angra do Heroísmo constituiu nova Direção, liderada por Paulo Gomes.
A nova lista foi eleita no passado dia 23 de junho, com 25 votos a favor e tomou posse no passado dia 6 de Julho.
Paulo Gomes estará na ilha Graciosa, no próximo dia 20 de Julho, ou seja na Sexta-feira.

Nesta primeira deslocação à Graciosa, encontra-se agendada reunião de apresentação e debate de assuntos pertinentes para a AF Angra do Heroísmo, pelas 18h00, com o Presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa e pelas 19h00, reunião com os Clubes de Futebol da Ilha Graciosa. 
Ambos os encontros decorrerão na sala de reuniões dos Paços do Concelho.





Utilidade Pública

Céu geralmente pouco nublado.
Vento fraco a bonançoso (05/20 km/h) do quadrante norte.
Mar encrespado a de pequena vaga.
Ondas noroeste de 1 metro.

Preia-mar será às 16h55 com 1.6 m
Baixa-mar será às 23h20 com 0.4 m

O Sol nasceu às 6h39 e vai pôr-se às 21h15
Índice de Ultravioleta, 7 Elevado

A temperatura da água é de 22ºC
A temperatura do ar é de 21ºC, Humidade 67%

Máxima de 24º e Mínima de 18º

Twitter Facebook Favorites More