Traduzir

06 maio 2016

Resumo Semanal de 2 a 6 de Maio de 2016


Primeiro-ministro viu na Graciosa exemplos do que poderá tornar os Açores numa plataforma científica

O Primeiro-Ministro de Portugal visitou a nossa ilha pela primeira vez.
António Costa começou por visitar o Projeto Graciolica- Younicos, no quitadouro, projeto inovador que vai tornar a Graciosa numa ilha com energia limpa, a parte do sol e do vento, terminando assim com a energia exclusivamente a partir de fuel óleo.
À noite decorreu o jantar oferecido pela Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, no Graciosa Futebol Clube. No evento promovido pelo Município, António Costa e a sua comitiva puderam conhecer do que melhor tem a nossa gastronomia.
No Sábado, de manhã, o primeiro-ministro visitou ao Observatório de investigação Climática do Nordeste Atlântico, Estação ARM da Graciosa, a melhor estação de medição climática do país e uma das melhores e mais completas do Mundo
António Costa referiu que a estação é o exemplo perfeito da cooperação científica entre os governos regional e da república, universidade e com os Estados Unidos da América, aproveitando a posição geográfica única dos Açores, para servir de plataforma científica em várias áreas.
O primeiro-ministro afirmou ainda que há todo o interesse em continuar as parcerias com os Estados Unidos, aproveitando estas novas oportunidades que são de interesse de todos.
António Costa estava satisfeito com esta primeira visita à Graciosa e deixou a promessa de voltar, “mas não em trabalho”.






Centro de Saúde terá mais um médico a partir deste mês

Num esclarecimento enviado à nossa redação, a administração da Unidade de Saúde informou que "a partir do mês de maio passa a contar com mais um médico de Medicina Geral e Familiar no seu quadro, Dr. Adriano Jorge, de forma a poder prestar um melhor serviço a todos os graciosenses e aqueles que ai se dirigem."






PSD Graciosa alerta para “estado de destruição” das Termas do Carapacho

O PSD Graciosa pronunciou-se numa conferência de imprensa, sobre o que diz ser o “estado de destruição e de abandono” a que estão vetadas as Termas do Carapacho.
Diz o comunicado do PSD Graciosa, que depois de informação de que as termas “iriam reabrir o presente mês de Maio”, mas estão apenas com a piscina de água termal a funcionar, não possuindo qualquer outra valência.
O atual estado das termas, com exceção da piscina, é para o PSD Graciosa “ desolador e de autêntico abandono”, pois o edifício de vários milhões de euros e respetivos equipamentos “está completamente destruído”, conforme fotos apresentadas pelo PSD Graciosa, que responsabiliza o governo pela situação daquela estrutura.
O PSD Graciosa denuncia a situação e exige que o PS e o Governo respondam às perguntas feitas mais do que uma vez pelos deputados do PSD Graciosa, esclarecendo a situação das termas.




Confirmada Bandeira Azul no Barro Vermelho

Na Graciosa foi aprovada a única candidatura, da zona do Barro Vermelho, confirmando-se as boas condições da piscina natural de rocha e areia, com acessos em cimento. Trata-se de uma zona de banhos de mar aberto, com fundo em laje de basalto.




Unidade de Saúde organiza concurso no âmbito do Dia Mundial Sem Tabaco

A Unidade de Saúde da Ilha Graciosa está a promover um concurso, com vista a comemoração do Dia Mundial Sem Tabaco.
A temática do concurso é “A Saúde do Futuro, Sem Tabaco”, os trabalhos podem ser realizados com recurso a vários materiais e técnicas.
No dia 30 de Maio, os trabalhos serão expostos no espaço aberto do Centro de Saúde. O prémio para o autor do trabalho premiado é uma visita ao Ilhéu da Praia.
O dia visa alertar a população para os malefícios do tabaco e sensibilizar para a necessidade de proteger as pessoas, para que não fumem por tabagismo passivo.





Posto farmacêutico vai passar a ser Parafarmácia

O Posto de Farmácia da Santa Casa da Misericórdia de Angra do Heroísmo encerrou Quarta-feira a venda de medicamentos por receita médica.
Bento Barcelos, provedor da instituição que abriu aquele posto na Graciosa, em Dezembro de 2014, no âmbito de um longo processo resultante da falta de medicamentos da única farmácia da ilha, confirmou à Rádio Graciosa que após receção de aviso de termo de validação do alvará do posto, resultante da abertura da segunda farmácia, Quarta-feira foi o último dia que o posto funcionou como tal.
O provedor da Santa Casa de Angra do Heroísmo afirmou que valeu a pena o investimento, pois o objetivo foi servir as populações e foi isso que foi conseguido. No entanto há preocupação com a situação da farmácia mais antiga, que embora esteja aberta, não tem medicamentos, o que leva à conclusão que com o encerramento do posto, a Graciosa volta a ficar, na prática, só com uma farmácia a funcionar.
No entanto, aquela estrutura vai continuar a servir os graciosenses, mas como parafarmácia, tendo o pedido dado entrada na Direcção Regional da Saúde.
O objetivo é garantir os dois postos de trabalho, potenciar o investimento que foi feito e continuar o serviço à população da Graciosa.
Há ainda a possibilidade de alargar a área de intervenção, com a criação de um centro óptico.
Há a garantia da continuação de parceria entre a Santa Casa da Misericórdia de Angra do Heroísmo e a de Santa Cruz da Graciosa e se houver oportunidade de retomar este serviço, Bento Barcelos afirma que o farão de novo.






Manuel Barcelos Silveira Bettencourt condecorado no Dia dos Açores

Manuel Barcelos Silveira Bettencourt, vai ser condecorado a título póstumo, nas celebrações do Dia dos Açores, que decorrem já no próximo dia 16 de Maio, em Vila Franca do Campo.
 Manuel Barcelos Silveira Bettencourt nasceu a 6 de Julho de 1916 e a sua vida foi marcada por uma visão de futuro e um enorme espírito empreendedor, de que resultou a construção da mais moderna fábrica de conservas de peixe dos Açores.

Manuel Barcelos que foi o maior empregador desta ilha, faleceu a 15 de Outubro de 1989, na memória dos graciosenses ficaram qualidades de um cidadão de reconhecido valor e mérito, com grandes capacidades empreendedoras e um invulgar sentido de justiça social.

Sofia Ribeiro apresenta projecto-piloto para combater o desemprego

A eurodeputada Sofia Ribeiro submeteu esta quarta-feira, na Comissão do Emprego e Assuntos Sociais do Parlamento Europeu, uma proposta de projecto-piloto que pretende dar resposta ao desemprego nas Regiões Ultraperiféricas. A iniciativa foi articulada entre os vários deputados destas regiões e insere-se no desenvolvimento das economias verde e azul.
A proposta apresentada, afirmou Sofia Ribeiro, "pretende apoiar a criação de emprego através do desenvolvimento de micro, pequenas e médias empresas inovadoras". O objetivo é "promover o empreendedorismo e as sinergias entre os diferentes atores governamentais e agências de desenvolvimento locais, parceiros sociais, instituições de ensino e formação, e representantes dos jovens, promovendo assim o crescimento sustentável a longo prazo, com especial atenção ao desemprego jovem e ao desemprego de longa duração".
A eurodeputada social-democrata explicou ainda que este projecto "divide-se em várias fases e pode revelar-se muito importante, pois permitirá a constituição de uma plataforma de análise das potencialidades de emprego entre as RUP, da definição de mecanismos de formação e de integração dos trabalhadores, bem como permitirá disponibilizar incubadoras de novas PME e um fundo de apoio para que possam desenvolver projetos ligados às economias verde e azul".
Para além dos Açores, esta iniciativa, com um orçamento de dois milhões de euros, destina-se às outras oito regiões ultraperiféricas que fazem parte da União Europeia, como as ilhas da Madeira, Canárias, Martinica, Maiote, Guadalupe, Guiana Francesa, Reunião e São Martinho.
O projecto visa complementar a rede de emprego para as RUP, criada em setembro de 2014 e apoiada pela Comissão Europeia, "que tem assumido uma dimensão essencialmente a nível político", explicou a eurodeputada. "Até agora, o foco social tem sido pouco desenvolvido e esta é uma área fulcral onde as RUP têm de se afirmar a nível europeu. Os seus mercados de trabalho são frágeis, especialmente devido à distância a que estas regiões se encontram do continente europeu, do seu tamanho e fragmentação. É, por isso, fundamental criar medidas específicas para que se desenvolvam", finalizou Sofia Ribeiro.



Exibição do filme “Batman V Super-Homem: O Despertar da Justiça” no Centro Cultural

No cinema, é exibido às 21h30 desta Sexta-feira, o filme “Batman V Super-Homem: O Despertar da Justiça”.
Um filme de ação, aventura e fantasia para maiores de 14 anos.

Recorde-se que os bilhetes podem ser adquiridos às sextas-feiras das 13h30 às 17h00 e 1 hora antes da exibição do filme.

Marítimo disputa último jogo da Série Açores

Na Série Açores, o Sport Club Marítimo desloca-se ao Pico para o último jogo da época.
A equipa graciosense joga às 15 horas, de Domingo, com o Vitória do Pico, no Campo do Vitória.
A equipa graciosense encontra-se na quarta posição do grupo de despromoção, com 33 pontos.


Futebol de formação com jogos Sábado


Nos escalões de formação, prosseguem as provas com jogos Sábado e durante a próxima semana.
Na Taça AFAH de Juniores B, jogam Guadalupe e Graciosa, às 15 horas de Sábado, no Sintético de Guadalupe. Na terça-feira, dia 10, pelas 18h30, realiza-se o jogo Graciosa-Maritimo, no Estádio Municipal.

Na Taça Ilha Graciosa em Juniores D, o Praiense recebe o Graciosa e o Marítimo joga com o Luzense, ambos os jogos realizam-se às 11 horas de Sábado. Ainda neste escalão, jogam às 18h30 do dia 10 de Maio, Guadalupe com Praiense e à mesma hora, do dia 11 de Maio, é a vez de Graciosa e Marítimo.

Entrevista com Conceição Cordeiro

No espaço de entrevista desta Sexta-feira é nossa convidada Maria Conceição Cordeiro, vice-presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, para nos falar do Plano de Regeneração Urbana de Santa Cruz da Graciosa.
Uma entrevista para ouvir às 17h30, ou a qualquer hora em www.radiograciosa.com


Artigo de opinião de José Ávila intitulado "Visita com resultados"


Na passada semana o Primeiro-Ministro de Portugal visitou os Açores pela primeira vez nessa qualidade.
Estávamos mal habituados relativamente às visitas dos membros do Governo da República.
No passado veio até cá um Primeiro-Ministro apenas para assinar um tratado de guerra. Mais tarde outro Primeiro-Ministro, da mesma linha partidária, veio cá dizer que não contássemos com ele para coisa nenhuma, nem para se solidarizar com os Açorianos aquando das intempéries, ao contrário do que tinha feito, e muito bem, com o povo Madeirense.
Tivemos também por cá uma Secretária de Estado que, imbuída pelo espírito de campanha, foi capaz de desrespeitar o protocolo sem qualquer pudor.
Agora foi diferente. Recebemos o Primeiro-Ministro, acompanhado por diversos membros do seu Governo, que veio até aos Açores e reuniu com os seus legítimos representantes para resolver questões que há muito tempo esperavam por soluções.
Este governo tem ainda poucos meses, mas já fez mais pelos Açores do que Passos Coelho em quatro anos do seu mandato.
Facilidades na utilização civil da Base das Lajes, low-cost para a Terceira, gestão do mar, excluir a componente dos subsídios ao investimento dos agricultores do cálculo de rendimento para efeitos de contribuições à Segurança Social, o empenho em negociar um envelope financeiro adicional para ultrapassar este momento de dificuldade dos agricultores, entre outras, foram algumas das questões que o Governo da República resolveu em consonância com o Governo Regional.
Estes resultados surgem de um trabalho apurado feito longe dos holofotes e paragonas pelo Governo liderado por Vasco Cordeiro, que se preparou para negociar e chegar a bom porto com um conjunto de iniciativas que apenas esperavam encontrar do lado de lá intervenientes capazes de ouvir, compreender e com capacidade para decidir.
Esta autêntica parceria com benefícios para ambas as partes não agradou, pelos vistos, ao principal partido da oposição.
Reconheço a legitimidade para pensar assim, só não percebo porquê…
Bem sei que estamos cada vez mais perto das eleições, mas é chegada a hora do líder do maior partido da oposição pensar mais nos Açores e menos na sua sobrevivência política.



Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:

Períodos de céu muito nublado.
Aguaceiros em geral fracos.
Vento oeste bonançoso a moderado (10/30 km/h), rodando para noroeste e
tornando-se moderado a fresco (20/40 km/h) com rajadas até 65 km/h.
Mar de pequena vaga, tornando-se cavado.
Ondas noroeste de 1,5 a 2,5 metros, aumentando para 2,5 a 3,5 metros.

Baixa-Mar às 19h17 com 0,2 m
Preia-Mar às 13h06 com 1,8 m

O Sol nasceu às 07h47 e vai pôr-se às 20h49

A temperatura da água é de 15ºC

A temperatura do ar é de 18ºC e Humidade 89%

05 maio 2016

Manuel Barcelos Silveira Bettencourt condecorado no Dia dos Açores

Manuel Barcelos Silveira Bettencourt, vai ser condecorado a título póstumo, nas celebrações do Dia dos Açores, que decorrem já no próximo dia 16 de Maio, em Vila Franca do Campo.
 Manuel Barcelos Silveira Bettencourt nasceu a 6 de Julho de 1916 e a sua vida foi marcada por uma visão de futuro e um enorme espírito empreendedor, de que resultou a construção da mais moderna fábrica de conservas de peixe dos Açores.
Manuel Barcelos que foi o maior empregador desta ilha, faleceu a 15 de Outubro de 1989, na memória dos graciosenses ficaram qualidades de um cidadão de reconhecido valor e mérito, com grandes capacidades empreendedoras e um invulgar sentido de justiça social.
A autarquia já homenageou “Manuel Barcelos”, com atribuição do seu nome ao passeio marítimo de São Mateus, inaugurado em Dezembro de 2014.

A lista de condecorados, aprovada ontem em Comissão de Assuntos Parlamentares, inclui 38 personalidades, entre as quais o antigo bispo de Angra, D. António de Sousa Braga, e os professores universitários Carlos Cordeiro e Gustavo de Fraga. Segue-se agora a votação da lista em plenário.

Associação de Pescadores vai comemorar Dia do Pescador a 31 de Maio

A Associação de Pescadores Graciosenses vai celebrar o Dia do Pescador, no próximo dia 31 de Maio, a partir das 16 horas.
Do programa das comemorações, a decorrer no Porto de Pescas, destaca-se animação musical e entretenimento para as crianças.
A comemoração do Dia Nacional do Pescador homenageia todos os homens e mulheres que têm na pesca a sua vida e a sua profissão.



Exposições e mostras em destaque na agenda cultural de Maio

O Museu da Graciosa deu a conhecer a agenda cultural de Maio.
A peça em destaque este mês é um registo, uma peça decorativa e religiosa, doada ao Museu por Cidália Coelho.
Durante Maio estará patente a Exposição Memórias da Graciosa, composta por um conjunto de fotografias das quatro freguesias da ilha, a maioria inéditas, sobre saberes, costumes e acontecimentos da memória coletiva graciosense.
De 23 a 31 de Maio estará em destaque a tradição da cultura da vinha na Graciosa, também com recurso a fotografia.
Da agenda e Maio destaque ainda para o Dia Internacional dos Museus, celebrado a 18 de Maio, com um serviço educativo para as escolas, com orientação do diretor do Museu, Jorge Cunha.
A mostra de brinquedos antigos, pode ainda ser vista até ao final de Junho.
Recorde-se que o Museu da Graciosa tem um novo horário, estando aberto de Terça a Domingo, das 10 às 17h30, incluindo hora de almoço. À Segunda-feira está encerrado.



Caritas promove Jornadas de Estudos Pastorais para uma ação social mais próxima

A Caritas da Graciosa promove de hoje até Sábado, as Jornadas de Estudos Pastorais da Ilha Graciosa.
O evento decorre nos 3 dias, a partir das 20h30, no Multiusos de Santa Cruz da Graciosa, sendo os módulos a eclesiologia, doutrina social da igreja e voluntariado de proximidade.
O evento é de entrada livre e contará com um orador convidado e com o padre Carlos Espírito Santo.

A emergência de uma realidade social caraterizada por um aumento de situações de pobreza e exclusão social, conduziu a que se tornasse determinante a construção de uma ação social mais próxima. A Caritas apela por isso ao envolvimento de todos para o rejuvenescimento da pastoral social.

Utilidade Pública


PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:
Períodos de céu muito nublado com boas abertas, tornando-se encoberto a partir da tarde.
Aguaceiros fracos na madrugada e manhã.
Vento norte bonançoso a moderado (10/30 km/h), rodando para oeste.
MAR DE PEQUENA VAGA.
Ondas norte de 1,5 a 2 metros.

Preia-Mar às 12h21 com 1,7 m
Baixa-Mar às 18h30 com 0,3 m

O Sol nasceu às 06h48 e vai pôr-se às 20h48

A temperatura da água é de 15ºC

A temperatura do ar é de 16ºC e Humidade 75%

04 maio 2016

Posto de Farmácia da Graciosa encerrou a venda de medicamentos por receita e vai passar a Parafarmácia


O Posto de Farmácia da Santa Casa da Misericórdia de Angra do Heroísmo encerrou Quarta-feira a venda de medicamentos por receita médica.
Bento Barcelos, provedor da instituição que abriu aquele posto na Graciosa, em Dezembro de 2014, no âmbito de um longo processo resultante da falta de medicamentos da única farmácia da ilha, confirmou à Rádio Graciosa que após receção de aviso de termo de validação do alvará do posto, resultante da abertura da segunda farmácia, esta Quarta-feira foi o último dia que o posto funcionou como tal.
O provedor da Santa Casa de Angra do Heroísmo afirmou que valeu a pena o investimento, pois o objetivo foi servir as populações e foi isso que foi conseguido. No entanto há preocupação com a situação da farmácia mais antiga, que embora esteja aberta, não tem medicamentos, o que leva à conclusão que com o encerramento do posto, a Graciosa volta a ficar, na prática, só com uma farmácia a funcionar.

No entanto aquela estrutura vai continuar a servir os graciosenses, mas como parafarmácia, tendo o pedido dado entrada na Direcção Regional da Saúde.
O objetivo é garantir os dois postos de trabalho, potenciar o investimento que foi feito e continuar o serviço à população da Graciosa. Há ainda a possibilidade de alargar a área de intervenção, com a criação de um centro óptico.

Há a garantia da continuação de parceria entre a Santa Casa da Misericórdia de Angra do Heroísmo e a de Santa Cruz da Graciosa e se houver oportunidade de retomar este serviço, Bento Barcelos afirma que o farão de novo.

As duas instituições estão prontas a agir quando se mostrar necessário.

PSD Graciosa alerta para “estado de destruição” das Termas do Carapacho

O PSD Graciosa pronunciou-se hoje de manhã, numa conferência de imprensa, sobre o que diz ser o “estado de destruição e de abandono” a que estão vetadas as Termas do Carapacho.
Diz o comunicado do PSD Graciosa, que depois de informação de que as termas “iriam reabrir no presente mês de Maio”, mas estão apenas com a piscina de água termal a funcionar, não possuindo qualquer outra valência.
O atual estado das termas, com exceção da piscina, é para o PSD Graciosa “ desolador e de autêntico abandono”, pois o edifício de vários milhões de euros e respetivos equipamentos “está completamente destruído”, conforme fotos apresentadas pelo PSD Graciosa, que responsabiliza o governo pela situação daquela estrutura.
O PSD Graciosa denuncia a situação e exige que o PS e o Governo respondam às perguntas feitas mais do que uma vez pelos deputados do PSD Graciosa, esclarecendo a situação das termas.


Confirmada Bandeira Azul no Barro Vermelho

A Bandeira Azul vai ser hasteada este ano em 314 praias, mais 15 atribuições do que em 2015, ultrapassando pela primeira vez a barreira das três centenas.
Na Graciosa foi aprovada a única candidatura, da zona do Barro Vermelho, confirmando-se as boas condições da piscina natural de rocha e areia, com acessos em cimento. Trata-se de uma zona de banhos de mar aberto, com fundo em laje de basalto.
Em 2016 o Programa Bandeira Azul começa a celebrar os seus 30 Anos.

Nestas três décadas a qualidade e a segurança nas nossas praias, marinas e portos de recreio aumentou exponencialmente sendo que a Bandeira Azul é neste momento um símbolo nacional e internacional desses mesmos critérios pelo que no ano em que celebramos o nosso trigésimo aniversário resolvemos juntar a celebração aos trinta critérios existentes, fazendo uma retrospectiva para descobrir um denominador comum desde o primeiro dia.

Unidade de Saúde organiza concurso no âmbito do Dia Mundial Sem Tabaco

A Unidade de Saúde da Ilha Graciosa está a promover um concurso, com vista a comemoração do Dia Mundial Sem Tabaco.
A temática do concurso é “A Saúde do Futuro, Sem Tabaco”, os trabalhos podem ser realizados com recurso a vários materiais e técnicas.
No dia 30 de Maio, os trabalhos serão expostos no espaço aberto do Centro de Saúde. O prémio para o autor do trabalho premiado é uma visita ao Ilhéu da Praia.
O dia visa alertar a população para os malefícios do tabaco e sensibilizar para a necessidade de proteger as pessoas para que não fumem por tabagismo passivo.
O consumo de tabaco é uma das principais causas de doença e de mortalidade prematura em todo o mundo. Segundo dados da OMS, morrem todos os anos cerca de 6 milhões de pessoas por doenças relacionadas com o tabaco. Um facto alarmante é que destas vítimas, mais de 600.000 pessoas são fumadores passivos.
O tabaco é responsável pela morte de um em cada 10 adultos.
l style='text-align:justify;mso-hyphenate:auto;background: #FFFBF8'> 

Graciosa recebeu eventos sobre pastoral vocacional


Duas religiosas da Congregação das Religiosas de Maria Imaculada estiveram nos últimos dias na Graciosa, a promover iniciativas no âmbito da pastoral vocacional, a convite da ouvidoria da Graciosa.
As iniciativas levadas a cabo pelas Irmãs Célia Faria, de Guimarães e Elisabete Mendonça, da Ilha das Flores, desenvolveram-se nas escolas, com visitas ás turmas de educação moral e religiosa católica do primeiro e segundo ciclos, uma vigília de oração na ermida de Nossa Senhora da Vitória, e presença no dia da mãe, nas várias eucaristias dominicais.
De acordo com uma nota enviada ao Sítio Igreja Açores pela ouvidoria da Graciosa, o cerne deste trabalho reside numa abordagem à problemática da vocação, nos seus diferentes campos.





Artigo de Opinião de João Costa intitulado “Fica para a próxima”

O Primeiro-ministro, António Costa, visitou a ilha Graciosa onde jantou e pernoitou no âmbito da anunciada cimeira entre os governos regional e nacional.
É certo que houve felicidade em algumas hostes pela visita de Estado à ilha Graciosa. Houve até quem achasse que era a primeira vez que tal acontecia, esquecendo que já antes Sá Carneiro, Pinto Balsemão e Cavaco Silva tinham visitado a pequena ilha Graciosa, na qualidade de chefes de executivo. Mas isso até nem interessa muito, pois já sabemos que estas coisas levam sempre a alguns momentos de memória selectiva, própria dos momentos políticos e adaptada às intenções propagandísticas que mais interessam.
É sempre bom receber na nossa terra um visitante ilustre, com vasta comitiva, o que gera expectativas altas e desejos de que sejam dadas respostas a problemas mais sérios.
Não é de ignorar que isto sucede porque em terras mais isoladas, onde os problemas se avolumam de ano para ano, os habitantes suspiram com a possibilidade de uma qualquer solução ou de uma qualquer resposta que vá ao encontro do seu desejo de ver a sua terra andar para a frente e sair de um certo desânimo colectivo que aflige boa parte da comunidade.
Não seria de esperar que, numa noite, o Primeiro-ministro desse resposta às muitas necessidades de uma ilha como a Graciosa ou sequer que desse qualquer resposta a qualquer dos problemas que a afligem nos transportes, na agricultura, nas pescas, na desertificação humana ou na saúde, até porque, mesmo que não o notem os graciosenses, existe um Governo Regional que detém competências próprias nessas matérias e que visita a ilha, uma vez por ano, em visitas estatutárias onde, ciclicamente, estão ausentes as respostas para as grandes questões da ilha.
Talvez por isso o Primeiro-ministro tenha feito uma visita mais inclinada para a vertente do “passar por cá”, visitando dois projectos na área científica, cuja importância para a ciência não se ignora.
Curiosamente, o voo que transportou a comitiva governamental chegou com algum atraso, aterrando só pelas 19 horas o que sendo primavera não tem qualquer problema, mas que nos faz pensar que se fosse de inverno já não poderia vir, pois a pista não tem iluminação certificada, impossibilitando voos a essas horas.
Já o Presidente do Governo Regional, que acompanhou a vinda de António Costa à Graciosa, limitou-se a um passeio, ou melhor, a uma voltinha de bicicleta, sem revelar qualquer outro interesse nas questões da ilha, que, estou certo, o vão ocupar na última visita estatutária da presente legislatura, invocando empenho desmedido em soluções que, lamentavelmente, não apresentou nestes 4 anos de mandato.
Foi por isso uma pena que não se desse conta dos problemas que o isolamento tem provocado na ilha Graciosa, nem sequer dar a conhecer as potencialidades turísticas da ilha ou as reconhecidas potencialidades produtivas, não ficou o governante a saber das dificuldades de transportes, da crise pela qual passou o turismo no último ano ou da saga que se vive no acesso a cuidados de saúde com as crescentes e recorrentes queixas da população.
Para o Primeiro-ministro Costa, a Graciosa passou despercebida das preocupações – não revelou ter tido conhecimento de nenhuma – e ficou apenas com o desejo de voltar para férias, o que assinalamos com satisfação, pois faz falta turistas.
Para os Graciosenses a visita de António Costa ficou aquém das expectativas e muito longe do desejável. Fica para a próxima!


Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:

Céu geralmente muito nublado.
Períodos de chuva fraca, passando a aguaceiros fracos.
Vento do quadrante oeste fraco (05/12 km/h), rodando para norte e tornando-se bonançoso (10/20 km/h).
Mar encrespado tornando-se de pequena vaga.
Ondas noroeste de 1 a 2 metros.

Preia-mar será às 23h50 com 1.7 metros.
Baixa-mar será às 17h42 com 0.4 metros.

O Sol nasceu às 06h49 e vai pôr-se às 20h47

A temperatura da água é de 16ºC.

A temperatura do ar é de 15ºC e Humidade 90%

03 maio 2016

Números do Turismo “não devem ser um fator de deslumbramento”

O Secretário Regional do Turismo e Transportes afirmou no Faial, que é importante ter presente que os números do turismo “não devem ser um fator de deslumbramento”, frisando que as estatísticas são um instrumento importante, mas “para quem trabalha o setor", ajudando a orientar o trabalho e a tomar decisões.
Vítor Fraga, que falava na inauguração do empreendimento de turismo rural 'Pátio Lodge', nos Cedros, salientou que, “no âmbito do Turismo em Espaço Rural (TER), onde se integra este empreendimento, em três anos, ou seja, nesta legislatura, no primeiro Governo liderado por Vasco Cordeiro, tivemos um crescimento de 62%”.
O titular da pasta do Turismo acrescentou que, segundo o Serviço Regional de Estatística dos Açores, “a projeção deste crescimento nos primeiros dois meses do ano é de cerca de 150%”.
Vítor Fraga frisou, no entanto, que “não nos podemos deslumbrar com os resultados obtidos até agora, porque o que interessa, acima de tudo, é o futuro" e foi nesse sentido que o Governo dos Açores lançou o Plano Estratégico e de Marketing do Turismo dos Açores (PEMTA), que considerou ser “o plano mais abrangente de sempre, ao nível da sua elaboração".
O Secretário Regional acrescentou que, agora com o documento em fase de implementação, torna-se necessário ter presentes os quatro grandes objetivos do PEMTA.

"O turismo dos Açores só é bom se for bom para quem cá vive e é isto que nós temos que perceber. O desenvolvimento deste setor faz-se com objetivos claros, por um lado, gerar riqueza, tornar a nossa economia mais forte e, por outro, preservar e criar postos de trabalho”, frisou Vítor Fraga.

Linha de crédito de apoio à pesca foi ativada

O Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia anunciou que, "a partir de hoje, os pescadores açorianos podem apresentar candidaturas ao Credipesca”, a linha de crédito de apoio à pesca local e costeira criada pelo Governo dos Açores.
Fausto Brito e Abreu salientou que o Executivo já assinou o protocolo com três instituições bancárias que vão disponibilizar o montante de dois milhões de euros que se destina a apoiar armadores açorianos.
“O objetivo desta linha de crédito é apoiar o financiamento dos custos de manutenção e de reparação de embarcações e equipamentos”, frisou Brito e Abreu, acrescentando que “a substituição de equipamentos também será abrangida por este apoio”.

O Credipesca é uma linha de crédito bonificada até cinco anos que irá disponibilizar aos armadores verbas entre 10 mil e 75 mil euros por embarcação, sendo que os empréstimos serão concedidos por escalões, ou seja, em função do valor das capturas efetuadas por embarcação nos últimos três anos.

PSD/Açores defende serviços mínimos para greve de estivadores

Os deputados do PSD/Açores à Assembleia da República, Berta Cabral e António Ventura, defenderam a fixação de serviços mínimos para a greve dos estivadores no porto de Lisboa, alegando que a paralisação está a causar “graves prejuízos” à economia açoriana.
Em pergunta escrita feita à ministra do Mar, Berta Cabral salientou que “a presente greve dos estivadores e a sua persistência estão a causar graves prejuízos à frágil economia açoriana, como afirmam os agentes económicos regionais”, e lamentou que o silêncio do governo regional sobre o assunto.
Berta Cabral acrescentou que “é imperdoável que o governo da República, depois da experiência vivenciada em dezembro de 2015, perante uma greve prolongada que pôs em causa o transporte de mercadorias para os Açores, não tenha acautelado esta situação para o futuro”.

A vice-presidente do grupo parlamentar do PSD na Assembleia da República considerou ainda que o governo da República “está mais interessado em assegurar o poder por via do apoio de partidos com grande implantação sindical do que em solucionar os problemas dos portugueses e, em particular, dos açorianos”.

Utilidade Pública

Períodos de céu muito nublado com boas abertas.
Vento fraco (05/12 km/h).
Mar encrespado.
Ondas norte/noroeste de 1 a 1,5 metros.

Preia-mar será às 23h01 com 1.6 m
Baixa-mar será às 16h53 com 0.5 m

O Sol nasceu às 6h50 e vai pôr-se às 20h46

A temperatura da água é de 15ºC
A temperatura do ar é de 17ºC, Humidade 80%




02 maio 2016

Reunião entre Governos dos Açores e da República foi muito produtiva e importante

O Presidente do Governo afirmou que a reunião entre os Governos dos Açores e da República, que decorreu em Angra do Heroísmo no âmbito da visita oficial do Primeiro-Ministro à Região, foi muito produtiva e bastante importante porque permitiu fechar uma série de assuntos relevantes para os Açorianos.
Nesse sentido, o Presidente do Governo destacou o caso do Plano de Revitalização Económica da Ilha Terceira (PREIT), que entra numa fase de concretização das medidas previstas, que é ainda, claramente, assumido como o “documento estratégico e orientador da forma como o Governo da República e o Governo dos Açores lidam com esta situação do redimensionamento das forças militares norte-americanas na ilha Terceira”.
Vasco Cordeiro, que se encontrou com António Costa antes da reunião entre os dois Executivos, destacou também o reforço de fundos comunitários para fazer face aos prejuízos nos portos registados na sequência das calamidades que, no final de 2015, assolaram os Açores, dando, assim, “um sinal muito claro como é entendida a solidariedade nacional sobretudo nestas situações”.
Vasco Cordeiro salientou também que, no âmbito do novo modelo de acessibilidades aéreas à Região, nomeadamente as obrigações de serviço público para o transporte de carga, é um assunto que está concluído, prevendo-se que, dentro dos próximos meses, seja lançado o concurso público.
“Isso é muito importante porque vem reforçar a capacidade de exportação da economia regional”, afirmou.
Relativamente às matérias referentes às Forças de Segurança, o Presidente do Governo anunciou que ficou acordado que o apoio que a Região já atribui ao nível das viaturas será direcionado para a requalificação e reabilitação de esquadras, dando também nota que, “mesmo nas funções do Estado, como é o caso da Segurança, a Autonomia pode ajudar e pode contribuir para reforçar as condições” destes serviços.
O Presidente do Governo dos Açores salientou, também, a questão da operação de companhias aéreas 'low cost' do continente para a ilha Terceira, um assunto que tem um significado prático e político de grande relevância.





Junta de Santa Cruz apoia clubes da freguesia

A Junta de Freguesia de Santa Cruz da Graciosa assinou na semana passada, protocolos de colaboração com os 3 clubes federados da freguesia.
Os protocolos assinados com o Sport Clube Marítimo, Graciosa Futebol Clube e Santa Cruz Sport Club, têm um valor de mil euros cada e são a concretização do apoio ao desporto e instituições.
Numa nota da autarquia de Santa Cruz da Graciosa é referido que é “intenção, sempre que possível, apoiar todos os que de forma direta exerçam atividade e estejam legalmente constituídos, reconhecendo o contributo para o desenvolvimento na sua área.”


Resultados do futebol Formação

Nos escalões de formação, prosseguiram as provas com jogos no Sábado.
Na Taça Ilha Graciosa em Juniores D, o Luzense venceu 9-7 ao Praiense e o Graciosa goleou por 26-0 o Guadalupe.

Na Taça AFAH de Juniores B, jogam Marítimo e Guadalupe às 18h30 de Terça-feira, no Sintético da Luz.

Espaço de Comentários com Luis Vasco Gregório

No espaço de comentários de hoje é nosso convidado Luis Vasco Gregório, empresário.

 As principais notícias da semana passada serão analisadas a partir das 17h30, ou para ouvir a qualquer hora em radiograciosa.com

Utilidade Pública


PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:
Períodos de céu muito nublado com boas abertas.
Vento do quadrante leste fraco a bonançoso (05/20 km/h).
Mar encrespado a de pequena vaga.
Ondas do quadrante norte de 1 a 1,5 metros.

Preia-mar será às 22h08 com 1.5 m
Baixa-mar será às 15h58 com 0.6 m

O Sol nasceu às 6h52 e vai pôr-se às 20h55

A temperatura da água é de 16ºC

A temperatura do ar é de 16ºC, Humidade 76%

Twitter Facebook Favorites More