Traduzir

Rádio Graciosa


30 novembro 2021

Graciosa regista mais 1 caso Covid, mas desce para 7 o número de casos ativos

Nas últimas 24 horas foram diagnosticados 38 novos casos positivos de covid-19 nos Açores, sendo 23 em São Miguel, 11 no Faial, dois na Terceira, um na Graciosa e um no Corvo, resultantes de 882 testes realizados.

Nas últimas 24 horas foram registadas 41 recuperações e assim arquipélago regista presentemente 239 casos positivos ativos, sendo 172 em São Miguel, 29 na Terceira, 16 em São Jorge, 14 no Faial, sete na Graciosa, e um no Corvo.

Situação epidemiológica em Santa Cruz da Graciosa praticamente controlada

A situação epidemiológica no Concelho de Santa Cruz da Graciosa, que atingiu um máximo de 25 casos ativos de Covid 19 e 1 morte, está perto de estar totalmente controlada.

Carla Medeiros, Delegada de Saúde da Ilha Graciosa, afirma que se pode dizer que se está “no bom caminho para o controlo deste surto”, no entanto, decorrem ainda testes de 8º dia a contactos próximos.

Já foram realizados mais de 1.000 testes, desde a deteção do primeiro caso do surto.

A responsável pela saúde pública na Graciosa alerta que é preciso continuar com as precauções, para evitar situações semelhantes.

A população deve também estar atenta aos sintomas e alertar de imediato a Unidade de Saúde ou a Linha de Saúde, pois a rapidez na deteção de novos casos é vital para controlar a dimensão dos surtos.

Carla Medeiros afirma que também não se deve ter medo da doença e que quem ainda não for vacinado, o faça, contactando a Unidade de Saúde.

A Delegação de Saúde da Ilha Graciosa reforça a mensagem de que é necessária precaução, seguindo as medidas já conhecidas de uso de máscara, higienização de mãos e distanciamento social.


Fiscalização ao Rendimento Social de Inserção também decorre no Concelho de Santa Cruz da Graciosa

A Vice-Presidência do Governo Regional dos Açores, através do Instituto da Segurança Social, IPRA, informou que, segundo os dados mais recentes relativos ao Rendimento Social de Inserção (RSI), mantém-se uma tendência sustentada de descida do número de famílias e de beneficiários a receber a referida prestação.

Em outubro de 2021, existiam 4.921 famílias e 13.143 beneficiários da referida prestação, correspondendo a uma variação homóloga (outubro de 2020 - outubro de 2021) de menos 563 famílias e de menos 1.373 beneficiários. No mesmo período, a prestação média mensal foi de 273,34 euros, por família, e de 83,85 euros, por beneficiário.

Durante o último trimestre, houve um reforço dos processos inspetivos aos beneficiários do RSI, sendo que, até dia 10 de novembro, existiam 418 processos iniciados.

Neste momento, 302 processos já se encontram concluídos, estando 222 irregulares. Algumas das irregularidades levaram à cessação da prestação social e outras levaram à alteração dos valores a pagar aos beneficiários.

Estas ações de fiscalização estenderam-se às nove ilhas dos Açores, havendo processos iniciados em todos os concelhos da Região.

Junta de Freguesia de Santa Cruz procedeu a limpeza no Monte da Ajuda

A Junta de Freguesia de Santa Cruz da Graciosa procedeu, esta semana, à limpeza dos espaços envolventes das Ermidas e Acessos ao Monte de Nossa Senhora D'Ajuda, revelou a junta em nota publicada.

Estes são espaços muito procurados pela população e de quem nos visita, o que leva a “um cuidado mais redobrado” por parte da autarquias santacruzenses, numa manutenção é feita ao longo do ano.

Segundo nota da Junta, uma das sugestões que tem recebido prende-se com o “corte da vegetação invasora que existe em frente à Ermida de Nossa Senhora D'Ajuda”, mas visto não ser uma área da competência da Junta de Freguesia, foi solicitada colaboração à Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa para intervir no local.

O objetivo é “garantir que aquele espaço mantém as condições perfeitas de vista para o Centro da Vila de Santa Cruz da Graciosa”.

Fonte: JFSCG


"Medidas Avulsas"- Artigo de Opinião de Manuel José Ramos

As medidas avulsas nunca deram bons resultados. A História já nos provou isso, embora muitos de nós não aprendêssemos com Ela.

Ora vejamos, vai ser atribuído um subsídio com incentivo à natalidade, para uma parte da sociedade, supostamente a que não usufruiu de RSI, ou seja a ativa no trabalho, até 1500 euros. E tudo o resto?
Já pensaram e num mercado cada vez mais competitivo e exigente qual o papel dos progenitores? Eles têm de ser bons profissionais, disponíveis horas sem fim em prol de manter uma carreira e muitas vezes o próprio posto de trabalho, em muitos casos sem terem a possibilidade de regime em teletrabalho, mas ao mesmo tempo bons pais, disponíveis para todas as atividades das crianças, para médicos, e tudo o que implica uma normal gestão familiar.
Isso para não falar das questões financeiras, onde a precariedade e salários baixos, muitos mais num cenário pós-pandêmico, são palavra de ordem.
Medidas desta natureza não são mais do que "chavões" à pressão para justificar tomadas de decisão ou manter "posições" políticas.
Este é o momento de se repensar a sociedade e a sua forma de viver. A pandemia veio a ensinar a ser diferente em sociedade e para isso não basta atribuir 1500 euros. Há que dar às famílias maior opção de mobilidade nos seus postos de trabalho quer em termos de deslocação para outra ilha quer em termos de teletrabalho. Esta medida permitirá uma gestão mais proficiente do tempo e um ajuste à gestão familiar. O equilíbrio entre o custo de vida das famílias e o rendimento que auferem é também outra das questões que deverá ser levada muito a sério. Muitas vezes, por mais que os progenitores queiram arranjar outra forma de auferirem rendimento extra, não têm condições para o fazerem, pois têm limitações de horário fixo por exemplo.
Estes assuntos não tem uma poção mágica para serem completamente resolvidos, até porque uma sociedade está sempre em transformação, mas certamente não será com a atribuição de 1500 euros para a natalidade que se vai verdadeiramente alterar.

Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:

Períodos de céu muito nublado com abertas.

Vento nordeste fraco a bonançoso (05/20 km/h).

Mar encrespado a de pequena vaga.

Ondas do quadrante norte de 1 a 2 metros.

 

Preia-mar será às 10h02 com 1.4 m

Baixa-mar será às 16h26 com 0.6 m

 

O Sol nasceu às 7h51 vai pôr-se às 17h30

Índice de Ultravioleta, 2 Baixo

 

A temperatura da água é de 18ºC

A temperatura do ar é de 17º, Humidade 68%

Máxima de 18º, Mínima de 13º

29 novembro 2021

Constrangimentos no fornecimento de água a 2 de Dezembro- Freguesia de Guadalupe

A Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa informou que, devido à necessidade de realizar operações de manutenção na Estação Elevatória do Guadalupe, no dia 02 de dezembro (quinta-feira) das 08:30 horas às 16:00 horas, podem surgir constrangimentos no fornecimento de água no Caminho da Igreja e Lugar das Covas.

A Câmara Municipal agradece a compreensão dos munícipes.

Desceu para 11 os casos Covid ativos na Graciosa

Os casos ativos de Covid 19 continuam a diminuir na Graciosa, ao verificarem-se recuperações e sem registo de novos casos positivos.

Esta Segunda-feira, foram diagnosticados 19 novos casos positivos de covid-19 nos Açores, sendo 12 na Terceira e sete em São Miguel, resultantes de 321 testes realizados.   

Nas últimas 24 horas foram registadas 31 recuperações.   

O arquipélago regista presentemente 243 casos positivos ativos, sendo 181 em São Miguel, 32 na Terceira, 16 em São Jorge, 11 na Graciosa e três no Faial.

Empreitada da rede de águas do Tanque adjudicada à Tecnovia

A empreitada da rede de abastecimento de águas à Freguesia de Guadalupe e parte da Freguesia de Santa Cruz- Rede do Reservatório do Tanque já foi adjudicada à empresa Tecnovia.

A obra tem o valor de 1 milhão e 400 mil euros, acrescidos de IVA e é segundo o Presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa uma obra muito importante, que fará diferença no abastecimento de água naquela zona.

António Reis afirma que será assim intervencionada uma zona que tem ainda uma rede muito antiga.

Depois desta empreitada, fica ainda a faltar as zonas de Ribeirinha e Vitória, para que toda a zona norte da Graciosa fique com rede de abastecimento de água renovada.

José Ávila interveio sobre transportes no debate do Plano e Orçamento

José Ávila, deputado do PS, eleito pela Graciosa, fez uma intervenção, no debate do Plano e Orçamento, sobre duas questões que considera que irão afetar a economia das ilhas mais pequenas, a falta das ligações marítimas entre todas as ilhas e o fim dos encaminhamentos aéreos.

O deputado eleito pela Graciosa referiu que “se é verdade que as ligações marítimas em 2020 e 2021 foram satisfatórias com a linha branca, nos próximos 3 anos a Graciosa, tal como as outras ilhas de menor dimensão, terá mais dificuldades na mobilidade e na organização de eventos, como as festas tradicionais, devido à falta de capacidade para passageiros e, sobretudo, para viaturas e cargas”.

O fim dos encaminhamentos por via aérea, para os não residentes, “também é uma má notícia para as mesmas ilhas”, pelo impacto negativo que causará no turismo que começava a crescer.

O deputado do PS entende que são duas situações que necessitam ser revertidas.


Equipas Graciosenses sem vitórias na 6ª Jornada do Campeonato de Futebol dos Açores

Na 6ª jornada do Campeonato de Futebol dos Açores, o Graciosa perdeu 2-4 com o São Roque, em jogo que se realizou no Estádio Municipal.

Em deslocação à Terceira, o Marítimo empatou 2-2 com o Lusitânia, enquanto o Guadalupe perdeu 0-2 na recepção ao Angrense.

Com estes resultados, o Guadalupe está em 4º lugar com 8 pontos, o Marítimo está em 6º com 6 pontos e o Graciosa em 10º lugar com 2 pontos.

Resultados do Futebol Local

No futebol local realizaram-se jogos em apenas 2 escalões.

No Campeonato de Sub 13, a equipa de Guadalupe B perdeu 0-6 com o Marítimo.

No Campeonato de Seniores Femininos, o Praiense venceu 3-0 ao Guadalupe e o Graciosa ganhou 5-0 ao Luzense.

Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:

Períodos de céu muito nublado com boas abertas.

Vento fraco (05/10 km/h), tornando-se bonançoso (10/20 km/h) de nordeste a partir da noite.

Mar encrespado, tornando-se de pequena vaga.

Ondas do quadrante norte de 1 a 2 metros.

 

Preia-mar será às 21h47 com 1.4 m

Baixa-mar será às 15h34 com 0.6 m

 

O Sol nasceu às 7h50 vai pôr-se às 17h30

Índice de Ultravioleta, 4 Moderado

 

A temperatura da água é de 20ºC

A temperatura do ar é de 18º, Humidade 58%

Máxima de 18º, Mínima de 13º

27 novembro 2021

Casos de Covid da Graciosa descem para 18

Este Sábado, foram diagnosticados seis novos casos positivos de covid-19 nos Açores, sendo três na Terceira, um em São Miguel, um em São Jorge e um no Faial, resultantes de 776 testes realizados.

Nas últimas 24 horas foram registadas 34 recuperações.
Durante a investigação epidemiológica verificou-se a existência de um falso positivo. Assim, o arquipélago regista presentemente 263 casos positivos ativos, sendo 201 em São Miguel, 21 na Terceira, 21 em São Jorge, 18 na Graciosa e dois no Faial.

CONCERTO DE NATAL - FADOALADO a 5 de Dezembro na Graciosa


 

26 novembro 2021

Graciosa sem novos casos esta Sexta-feira e desce para 23 os casos ativos de Covid 19

Esta Sexta-feira foram diagnosticados 22 novos casos positivos de covid-19 nos Açores, sendo 20 em São Miguel, um em São Jorge e um no Faial, resultantes de 1.054 testes realizados.

Nas últimas 24 horas foram registadas 15 recuperações.
O arquipélago regista presentemente 292 casos positivos ativos, sendo 227 em São Miguel, 23 na Graciosa, 20 em São Jorge, 18 na Terceira, três no Faial e um no Pico.

Câmara Municipal prorrogou medidas excepcionais de apoios às famílias e empresa no âmbito da Covid 19

O Executivo Camarário de Santa Cruz da Graciosa, reunido Quinta-feira nos Paços de Concelho, aprovou, por unanimidade, a prorrogação das medidas excepcionais de apoio às famílias e empresas da Graciosa, no âmbito da Covid 19.

Assim, mantém-se a isenção  do pagamento do 1º escalão de consumo de água aos munícipes com contrato doméstico, redução de 30% do 1º escalão de água para os contratos não-domésticos, isenção de pagamento do consumo de água e taxa de recolha de resíduos as todas as associações culturais, desportivas, recreativas e IPSS, redução de 50% no valor das rendas dos quiosques da Praça e do Mercado Municipal, isenção de rendas de esplanadas da Praça e dos quiosques com atividade ligada ao turismo.

Estas medidas foram prorrogadas até 31 de Dezembro de 2021.

Aprovação do Orçamento confirma alternativa política escolhida pelo povo açoriano- João Costa

O líder parlamentar do PSD/Açores, João Bruto da Costa, afirmou que a aprovação do Orçamento dos Açores para 2022 confirmou a “alternativa política” escolhida pelo povo açoriano em eleições.

O líder da bancada social-democrata salientou que a aprovação dos documentos orçamentais para o próximo ano permitiu aos açorianos “saberem com quem podem contar”.

“Os açorianos hoje sabem quem não virou as costas ao seu desenvolvimento e ao seu futuro. Mas os açorianos agora também sabem quem preferia uma crise política em cima de uma crise económica e pandémica”, disse.

Segundo João Bruto da Costa, “foi feito de tudo pela oposição para criar embaraços, dificuldades e problemas, tentando impedir que o Orçamento fosse aprovado”.

“O líder do Partido Socialista até fez apelos inflamados à crise política. Mas não é esse o interesse superior dos Açores e dos açorianos”, considerou.

O presidente do grupo parlamentar do PSD/Açores acrescentou que, ao fim do primeiro ano de uma nova governação, “ficou demonstrado que podem ser encontradas boas soluções através do diálogo, da concertação e do entendimento”.

As propostas de Orçamento e Plano para 2022 foram aprovadas por PSD, CDS-PP, PPM, CH, IL e o deputado independente, e com os votos contra de PS, BE e PAN.

Junta de Freguesia de Santa Cruz promove concurso "O Meu Pinheiro"

A Junta de Freguesia de Santa Cruz da Graciosa lançou um concurso intitulado "O Meu Pinheiro", que tem como principal objetivo, incentivar as famílias santa cruzenses a serem criativas no momento de decorar a sua árvore de natal.

As três árvores mais originais serão contempladas com um Cabaz “Sabor a Graciosa”, onde constarão produtos da nossa terra.

Para participar basta tirar uma foto à árvore de natal após a decoração, enviar a foto via email (jfscruzgraciosa@gmail.com), com o nome e o contato do participante.

Eleição de novos corpos sociais na Filarmónica União Popular Luzense

Os sócios da Filarmónica União Popular Luzense estão convocados para uma Assembleia-Geral a realizar às 19h30 de Domingo, dia 28 de Novembro.

Na ordem de trabalhos está a análise e aprovação de contas da época transata, eleição de novos corpos sociais e outros assuntos de interesse para aquela coletividade da Freguesia da Luz.

Campeonato de Futebol dos Açores avança para a sexta jornada

No Campeonato de Futebol dos Açores, as equipas da Graciosa jogam no Domingo para a 6ª jornada da prova açoriana.

Graciosa e São Roque defrontam-se às 10 horas de Domingo, no Estádio Municipal.

O Marítimo desloca-se à Terceira, para defrontar o Lusitânia, às 11 horas, no Estádio João Paulo II.

O Guadalupe recebe o Angrense, às 13 horas no Sintético de Guadalupe.

As equipas da Graciosa partem para esta jornada com o Guadalupe em 4º lugar, com 8 pontos, o Marítimo em 6º com 5 pontos e o Graciosa em 10º lugar, com 2 pontos.

Calendário de futebol local

Este fim-de-semana decorrem jogos em apenas 2 escalões do futebol local, com vários jogos marcados para o feriado de 1 de Dezembro.

O Campeonato de Sub 13 inicia-se no Sábado com o jogo Guadalupe B e Marítimo, às 11 horas, no Sintético de Guadalupe.

Também em Sub 13, jogam-se os últimos jogos do Torneio de Abertura, às 11 horas de 1 de Dezembro. Praiense e Guadalupe B jogam no Municipal da Luz e Marítimo com Graciosa no Sintético de Guadalupe.

Nos Sub 17, jogam para o Campeonato Ilha Graciosa, Graciosa e Praiense, às 14 horas de 1 de Dezembro, no Municipal da Luz.

No Campeonato de Seniores Femininos jogam no Sábado, Praiense com Guadalupe às 15 horas e Graciosa com Luzense às 17 horas.

Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:

Períodos de céu muito nublado com boas abertas.

Aguaceiros fracos e pouco frequentes.

Vento leste moderado a fresco (20/40 km/h) com rajadas até 65 km/h,

tornando-se bonançoso a moderado (10/30 km/h) para o fim do dia.

Mar cavado, tornando-se de pequena vaga.

Ondas nordeste de 3 a 4 metros, diminuindo para 2 a 3 metros.

 

Preia-mar será às 18h18 com 1.2 m

Baixa-mar será às 12h15 com 0.8 m

 

O Sol nasceu às 7h47 vai pôr-se às 17h31

Índice de Ultravioleta, 4 Moderado

 

A temperatura da água é de 20ºC

A temperatura do ar é de 18º, Humidade 68%

Máxima de 18º, Mínima de 15º

25 novembro 2021

Graciosa sem novos casos de Covid

Nas últimas 24 horas, foram diagnosticados oito novos casos positivos de covid-19, todos em São, resultantes de 802 testes realizados.    

Nas últimas 24 horas foram registadas 24 recuperações e segundo a Direção Regional de Saúde, no decurso da investigação epidemiológica verificou-se que dois positivos ativos abandonaram o arquipélago. Assim, os Açores registam presentemente 285 casos positivos ativos, sendo 219 em São Miguel, 25 na Graciosa, 19 em São Jorge, 18 na Terceira, três no Faial e um no Pico. 

Plano e Orçamento dos Açores para 2022 aprovado na generalidade no parlamento regional

O Plano Regional Anual dos Açores para 2022 foi hoje aprovado na generalidade com 29 votos a favor do PSD, CDS-PP, PPM, Chega, IL e deputado independente, tendo recebido 28 votos contra, do PS, BE e PAN

Na Assembleia Legislativa Regional, entraram na tarde de quarta-feira 45 propostas de alteração ao Plano e Orçamento do Governo Regional para 2022, uma das quais dos partidos da coligação, para reduzir o endividamento em 18 milhões de euros, na rubrica da reestruturação e concessão de transporte aéreo de passageiros, carga e correio inter-ilhas.

O PAN entregou 32 propostas de alteração às contas regionais e o BE 12.

No discurso de encerramento do debate sobre o Orçamento feito no parlamento açoriano na quarta-feira, o presidente do Governo Regional dos Açores, José Manuel Bolieiro, recusou ter “cedido nos princípios” ou perdido “coerência” devido ao diálogo com outras forças políticas para viabilização do Orçamento para 2022, assegurando não ter medo de eleições.

Investimentos na estrada regional São Mateus-Santa Cruz e na Marina da Barra aqueceram debate na Assembleia Regional

No âmbito do debate sobre o programa Obras Públicas, Transportes Terrestres e Comunicações do Plano e Orçamento da Região para 2022, os deputados eleitos pela Graciosa, Manuel José Ramos, do PS e João Costa, do PSD, protagonizaram um debate aceso sobre o investimento nesta área na Graciosa.

Após a apresentação do plano para as obras públicas por parte da secretária da tutela, Ana Carvalho, Manuel José Ramos, deputado do PS, eleito pela Graciosa, perguntou em concreto sobre a estrada regional que liga São Mateus a Santa Cruz, alertando que o próximo Inverno poderá ser complicado para aquela via, devido à situação das árvores.

João Costa, deputado da Graciosa pelo PSD, denunciou que a estrada necessita há muitos anos de intervenção profunda, tendo o PS desaproveitado a oportunidade de intervir nela, quando ainda as obras em estradas eram comparticipadas por fundos comunitários.


Manuel José Ramos ainda explicou que é urgente o abate de árvores, que já estão sinalizadas e que a estrada nunca foi reabilitada, à espera que fosse concluída a obra da Marina da Barra, acusando este Governo de ainda nada ter feito para a conclusão daquela obra. O deputado pede que se criem condições de segurança naquela via regional.

João Costa garantiu que a zona da Barra terá investimento, estando previsto no plano verba para isso. O deputado do PSD explicou que o investimento terá que ser cauteloso e cumprindo as leis, tendo em conta irregularidades que foram cometidas naquela obra.

Ana Carvalho, Secretária das Obras Públicas, Transportes Terrestres e Comunicações reafirmou o que já tinha sido confirmado na reunião entre Governo e Conselho de Ilha, que o projeto para a estrada regional será efetuado em 2022, tendo garantido a Manuel José Ramos que a situação das árvores será acautelada antes do próximo Inverno.

Em relação à estrada regional que liga Santa Cruz- Guadalupe, o governo aguarda a intervenção da rede de águas, para se seguir intervenção naquele troço.

 


Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres

A Direção Regional para a Promoção da Igualdade e Inclusão Social, em parceria com o Núcleo de Iniciativas de Prevenção e Combate à Violência Doméstica da Santa Casa da Misericórdia da Praia da Vitória, assinala o Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres que se comemora no dia 25 de novembro. 
Esta iniciativa regional pretende dar voz às pessoas vítimas de violência doméstica, através da divulgação em vários jornais da Região Autónoma dos Açores, dos seus testemunhos de histórias de superação, passando assim a importante mensagem a quem é vítima de que pode ultrapassar a situação e que esta pode acabar bem. 
 Apresentamos abaixo um destes importantes testemunhos.


1) Lembra-se do motivo que levou ao seu acompanhamento pela Rede ou Pólo de Prevenção e Combate à Violência Doméstica? Quer partilhar connosco o que aconteceu?

Sim, lembro-me muito bem. Foi no dia 30 de setembro deste ano. Estava muito nervosa, porque ia a tribunal. Era a leitura do julgamento do meu caso de violência doméstica. Estava a passar à frente da Câmara Municipal e como tenho epilepsia, comecei a sentir-me mal e sentei-me na beira do passei com medo que me desse um ataque. Passou uma senhora que foi pedir ajuda a uma funcionária da Câmara Municipal e eu contei o que estava a passar. Esta mesma senhora indicou o Pólo de Prevenção e Combate à Violência Doméstica da ilha onde resido. Aos 14 anos fui abusada sexualmente por um tio, que acabou por fugir para outro país. Como a minha mãe não acreditou fui viver com a minha avó, que foi muito minha amiga e uma segunda mãe para mim. Deste abuso nasceu o meu filho que acabou por falecer aos 5 anos de idade. Entretanto, conheci o meu ex-marido num lar de acolhimento onde eu vivia. Nos primeiros anos de vida em casal foi tudo muito bom. Tive a minha filha, o meu ex-marido era um cozinheiro “mão cheia” como se diz, enfim, tínhamos uma vida razoável. Passado algum tempo ele começou a beber muito. Chegava a casa sempre bêbado. Maltratava-me, chamava-me “puta” e batia-me onde a mão apanhava.  Lembro-me de uma vez, que o meu ex-marido tentou matar-me, colocando as suas mãos à volta do meu pescoço. Com isto tudo saí de casa, arranjei um trabalho e mudei de ilha.


2) De que forma a Rede ou o Pólo de Prevenção e Combate à Violência Doméstica o/a ajudou a lidar com este acontecimento da sua vida?

O Pólo de Prevenção e Combate à Violência Doméstica tem sido o meu suporte, porque há uns anos atrás também eu já me tentei matar. Nesta altura a vida não tinha sentido para mim. 


3) O processo de violência doméstica é, por si só, um processo complicado. Que dificuldades sentiu ao longo do mesmo? Como as ultrapassou?

A maior dificuldade foi sentir-me sozinha. Os meus irmãos não me falam. A minha filha estava noutra ilha. A minha avó já tinha falecido e comecei a pensar que não fazia falta a ninguém. Fui até ao mar para me atirar, mas encontrei aí uma senhora que me pôs a mão e que se tornou a minha grande amiga. Devo-lhe muito. Todos os dias ultrapasso muitos obstáculos que tenho cá dentro de mim, conto com a ajuda do polo e dessa minha amiga. Não conto muito com a minha filha, porque ela também tem os seus problemas.


4) Sente que se tornou uma pessoa diferente ao longo deste processo? Que conquistas alcançou?

Sim, hoje sou uma pessoa diferente. Embora marcada pelo passado e maior conquista foi a paz interior. Não há dinheiro que pague isso.


5) Que objetivos tem para o seu futuro?

Neste momento o meu maior objetivo é Deus dar-me saúde e arranjar uma casinha com condições para viver, porque trabalho não falta. 


6) A violência doméstica continua a ser uma realidade que afeta muitas pessoas. Que conselho daria a quem esteja a vivenciar uma situação destas?

O meu conselho é que não se deixem ser maltratadas e humilhadas. Também somos seres humanos e temos o direito de sermos respeitadas. 

 Caso tenho conhecimento de alguma situação de violência doméstica contacte a Linha Regional Contra a Violência Doméstica (800 27 28 29).


Utilidade Pública

PREVISÃO DO ESTADO DO TEMPO PARA HOJE:

Períodos de céu muito nublado com abertas.

Aguaceiros em geral fracos.

Vento leste fresco a muito fresco (30/50 km/h) com rajadas até 75 km/h.

Mar cavado a grosso.

Ondas leste de 3 a 4 metros.

 

Preia-mar será às 17h09 com 1.2 m

Baixa-mar será às 23h06 com 0.8 m

 

O Sol nasceu às 7h46 vai pôr-se às 17h32

Índice de Ultravioleta, 4 Moderado

 

A temperatura da água é de 21ºC

A temperatura do ar é de 18º, Humidade 73%

Máxima de 18º, Mínima de 15º

Twitter Facebook Favorites More