Traduzir

31 dezembro 2015

Março

Em Março, o executivo camarário continuou a não ser unânime nas transferências para a PROBID e o autarca da Luz pressionou para resolução de problema das termas.
O PS não aceitou um deputado Graciosense a presidir à Comissão de inquérito a transporte marítimo nos Açores, recusando a escolha do nome de João Costa e afirmando que a comissão potestativa avançava, mas com outro presidente. Mais perto do final do mês o Deputado Graciosense foi eleito presidente da comissão de inquérito aos transportes.
Os Bombeiros celebraram 34 anos de actividade com entrada de novos membros e anúncio de desfibrilhadores Automáticos Externos nas ambulâncias da ilha Graciosa a partir de Abril.
Ainda em Março, 43 equipas inscreviam-se no Troféu de Ralis Além-Mar Terceira-Graciosa 2015, a Assembleia Municipal aprovou por maioria o regulamento do Parque Industrial e havia reclamações sobre mau atendimento nas urgências da Unidade de Saúde.
Filipe Gonçalves era apresentado como cabeça de cartaz da Feira Taurina 2015, com a organização a frisar que os “transportes” continuam a ser problema na organização das festas concelhias.
Em Março, a Rádio Graciosa completou 26 anos, Nuno Nascimento e Carlos Côrte-Real sagraram-se Campeões Regionais de Xadrez e os Romeiros realizaram a XVI Romaria Quaresmal da Graciosa, com 40 participantes.
No terceiro mês do ano, Comércio e Lavoura não são unânimes no dia da escala dos barcos com a ilha Graciosa, a Bóia ondógrafo da Graciosa estava de novo em funcionamento e a Graciosa aderiu à Rede Mundial de Reservas da Biosfera em Ilhas e Zonas Costeiras.
Em visita à ilha Graciosa, a representação parlamentar do PCP Açores acusou governo de “paralisar desenvolvimento dos Graciosenses”, a situação da Academia preocupava membros da Junta de São Mateus e o PSD pediu explicações sobre despedimentos no Hotel Graciosa, e as Lixeiras encerraram para início de trabalhos de selagem.


Twitter Facebook Favorites More