Traduzir

11 agosto 2018

Resumo semanal de 6 a 10 de Agosto de 2018

Passagem da 30ª Regata da Autonomia pela Graciosa foi um sucesso


A Atlantis Cup – Regata da Autonomia,  pela primeira vez na sua história,  navegou para a ilha Graciosa.
O Diretor da Regata da Autonomia afirma que a estadia na Graciosa foi excelente. Os participantes tiveram oportunidade de conhecer a ilha e de visitar a Caldeira.
Na data especial de 30 anos do evento, a regata continua a ser o mais importante evento náutico da região.
Manuel Avelar Santos, presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, disse que foi com grande satisfação que a autarquia recebeu pela primeira vez este evento na Graciosa.
Recorde-se que inicialmente a regata apenas contornava a Graciosa, no entanto a Câmara Municipal e o Clube Naval pugnaram para que a prova passasse pela Graciosa, o que foi conseguido com sucesso.
Avelar Santos afirma que dentro de 2 anos, numa outra edição da regata, este evento poderá passar pela Graciosa, com o porto da Barra devidamente equipado para acolher os veleiros.
Os elementos das 22 embarcações que competem na 3ª regata da Autonomia- Atlantis Cup ficaram tão satisfeitos com a forma como foram recebidos e com a beleza da ilha, de tal forma que deixaram no ar a ideia de na inauguração da obra de proteção da Barra, se realizar uma regata comemorativa, para estrear o novo empreendimento marítimo.





Líder da JSD Açores esteve de visita à Graciosa

O Presidente da JSD/Açores, Flávio Soares, realizou uma visita de três dias à ilha Graciosa onde contactou com a estrutura de Juventude Social-democrata Graciosense e com diversas instituições da ilha.
Esta visita insere-se numa volta a todas as ilhas, em proximidade com os jovens, para auscultar os problemas dos jovens açorianos.
Flávio Soares destacou a proatividade da JSD Graciosa, com destaque para a proposta para o cartão-jovem municipal, que ainda não recebeu resposta por parte da Câmara Municipal.
Uma proposta que está a ser preparada, tem a haver com a Universidade Aberta, uma vez que na Graciosa não existe um pólo para se realizar exames da Universidade Aberta.
Numa reunião com a Comissão Política de Ilha da JSD/Graciosa, Flávio Soares, deixou o repto público de que, com todas as forças partidárias, em conjunto e todos os açorianos, “se faça um debate sério, empenhado e estruturado, sobre o futuro da saúde, da educação e da economia em ilhas mais vulneráveis”, defendendo que  “o desgoverno, as incongruências e a falta de rumo podem levar açorianos ao abandono”.




Rua Manuel Machado Ávila homenageia o servidor público exemplar, poeta e artista

A cerimónia de descerramento da placa toponímica que deu o nome de Manuel Ávila, à antiga estrada do aeroporto, contou com a presença de família, entidades públicas, moradores, convidados e ainda o acompanhamento musical da Filarmónica Recreio dos Artistas.
A Câmara Municipal homenageia assim um cidadão notável, como servidor público exemplar, poeta e artista.
Avelar Santos, Presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, afirma que a deliberação só peca por tardia.
Segundo o autarca trata-se da homenagem a um homem que, nas obras públicas “muito trabalhou pelo embelezamento da nossa ilha”.
A autarquia cumpre assim, mais uma vez, o papel de homenagear aqueles que muito fizeram pela Graciosa.
José Ávila, filho do homenageado, afirma que para a família esta homenagem gera sobretudo um “sentimento de gratidão”.
A designação desta rua foi acordada em 1985 pela câmara municipal da altura, uma deliberação camarária foi do conhecimento do Machado Ávila, mas não da sua família.
Manuel Machado Ávila, foi um homem que se dedicou a várias artes, mas a sua maior paixão e entrega era “às suas obras públicas”, onde servia as pessoas.
Um homem livre, que nunca se deixou dobrar por pressões de ninguém.




Candidaturas para apoios às perdas de produção e colheita devido à seca decorrem até 17 de Setembro

O apoio financeiro do Governo dos Açores surge na sequência da acentuada e persistente diminuição de precipitação que se tem verificado na Região Autónoma dos Açores desde o início de março de 2018, afetando de forma muito significativa as culturas referenciadas.
Para beneficiar deste apoio os agricultores devem dirigir-se aos Serviços de Desenvolvimento Agrário de ilha, até 17 de Setembro, para declarar as respetivas parcelas de terreno afetadas, para que depois os técnicos possam efetuar uma avaliação e determinar a percentagem das perdas.
Os apoios financeiros a conceder pelas perdas comprovadas nas culturas do milho e hortícolas variam entre os 25% e os 75%, sendo que estão excluídos da atribuição do presente regime excecional de apoio, os agricultores cujas explorações apresentem prejuízos inferiores a 200 euros.





Aberto inquérito urgente relativo às evacuações aéreas de dois doentes das ilhas de São Jorge e da Graciosa, que decorreram a 02 de fevereiro de 2017

O Presidente do Governo determinou a abertura imediata de um inquérito urgente relativo às evacuações aéreas de dois doentes das ilhas de São Jorge e da Graciosa, que decorreram a 02 de fevereiro de 2017, o qual terá de ficar concluído até dia 31 deste mês.
Segundo o “Diário dos Açores”, a administradora do Hospital de Angra “interferiu ilegalmente numa operação de evacuação de doentes, obrigando um helicóptero da Força Aérea a evacuar um doente seu familiar da ilha de São Jorge, quando a equipa médica tinha optado por evacuar, primeiro, um doente da Graciosa”. 
Este episódio ocorreu a 2 de fevereiro de 2017 e levou a que médica reguladora das operações apresentasse uma queixa por escrito ao Serviço Regional de Proteção Civil, queixa essa remetida para a Secretaria Regional da Saúde que optou por não a remeter para a Inspeção Regional de Saúde, esclarece o jornal.




Regulamento Geral das Deslocações do Serviço Regional de Saúde entra em vigor a 1 de Setembro

O Secretário Regional da Saúde afirmou que o Regulamento Geral das Deslocações do Serviço Regional de Saúde configura uma reforma com benefícios claros para o utente e para a gestão do Serviço Regional de Saúde.
O titular da pasta da saúde sublinhou que o diploma “tem o utente como foco principal.





João Costa é o Mandatário de Pedro Nascimento Cabral para a Ilha Graciosa

De acordo com o candidato, “o Dr. João Bruto da Costa, advogado de profissão, exercendo atualmente as funções de Deputado à Assembleia Legislativa Regional dos Açores, é um ilustre militante do Partido Social Democrata dos Açores, com uma vasta experiência política, assente na defesa intransigente dos interesses da nossa Região Autónoma em geral, e da Ilha Graciosa em particular”.




Twitter Facebook Favorites More