Traduzir

27 abril 2018

Resumo Semanal de 23 a 27 de Abril de 2018

Sporting de Guadalupe despediu-se do Campeonato de Portugal PRIO e Sport Club Marítimo assegura manutenção a Série Açores

A equipa verde e branca de Guadalupe venceu o último jogo da época por 3-0 e assim se despediu da competição, a que não vai voltar na próxima época, por ser uma das equipas despromovidas.
No Campeonato de Futebol dos Açores, o Sport Club Marítimo, no último jogo em casa, venceu por 2-0 ao Fontinhas e assegurou a manutenção na prova.




Pesca descarregada em lota aumentou cerca de 77 %

Nos primeiros 3 meses de 2018, a lota da Graciosa recebeu 32.445 Kg de pescado, mais 14.162 Kg, em relação aos 18.283 Kg registados no 1º trimestre de 2017.
O goraz continua a ser a espécie mais capturada com cerca de 11 toneladas, entre Janeiro a Março, havendo ainda o registo de 6 toneladas de peixão.
O pescado capturado pelos pescadores graciosenses, nos primeiros três meses de 2018, rendeu em lota cerca de 290.422 euros.




25 de Abril celebrado com sardinhada, música e passeio motard

A Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa promoveu a tradicional Sardinhada do 25 de Abril, evento animado pela Filarmónica União Progresso de Guadalupe.
O Motoclub Ilha Graciosa realizou mais Passeio da Liberdade e à noite decorreu o concerto comemorativo do Dia da Liberdade, com atuações do grupo musical Com-Cordas e do Grupo Folclórico da Casa de Povo de Guadalupe.
A Juventude Socialista da Graciosa assinalou o 44º aniversário do 25 de Abril, com a distribuição de cravos artesanais, simbolizando desta forma, a revolução de 1974.




Escola Básica e Secundária continua a ser Eco-Escola de Excelência

Decorreu a cerimónia de hasteamento da bandeira da Eco-Escola, relativa ao ano 2016/2017, um galardão que segundo a coordenadora Marisa Faria, pertence a toda a comunidade escolar.
A Escola Básica e Secundária da Graciosa ostenta este galardão desde 2001 e é uma escola de excelência.
O plano do ano letivo 2017/2018 está a decorrer muito bem, com todas as iniciativas aprovadas, com especial atenção para o “Trilhos com História”, que promove a criação de trilhos na nossa ilha que podem ser visitados por turistas de uma forma sustentável.
Segundo Marisa Faria, o trabalho que está a ser feito assegura a continuação não só como Eco-Escola, mas também como Escola de Excelência.




Contas do Município de 2017 aprovadas por maioria

As contas de 2017 revelam uma taxa de execução de 92% nas despesas correntes e de 77% nas despesas de capital, sendo o resultado líquido de 2017 positivo, no valor de 379.352 euros.
Os documentos foram aprovados com 3 votos a favor do PS e 2 abstenções da vereação PSD.




Câmara Municipal poderá voltar a recorrer à banca

A 1ª revisão orçamental de 2018 foi aprovada, apenas com os votos favoráveis do PS, tendo os vereadores do PSD votado contra.
Os vereadores da oposição votaram contra, por discordarem do reforço de 30 mil euros para o apoio às Festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres, quando se trata de uma festa “idêntica às anteriores”.
Ainda sobre a 1ª Revisão Orçamental, o presidente Manuel Avelar Santos deu a conhecer a intenção de recorrer novamente a um empréstimo bancário, desta vez para a recuperação da Rua do Marítimo, uma vez que os atuais fundos comunitários não financiam estradas.
António Reis disse que existem muitas mais estradas municipais a necessitar arranjo, mas o presidente da Câmara disse que seria uma verba avultada, excessiva para o Município.
Avelar Santos revelou ainda que a Câmara Municipal poderá ter que recorrer à banca, para arrancar com a obra da Pesqueira, caso ela não seja financiada, na totalidade, pelos fundos comunitários.




Barro Vermelho terá Bandeira Azul mas há dificuldades em conseguir nadadores salvadores

No final da reunião do executivo camarário que se realizou Quinta-feira, na Junta de Freguesia de Santa Cruz, falou-se também na época balnear.
A Vice-Presidente da Câmara Municipal informado que o Barro Vermelho conquistou a Bandeira Azul e que neste momento a única dificuldade prende-se mesmo com a contratação de nadadores-salvadores.
Os graciosenses que possuíam o título deveriam ter feito a revalidação este ano mas não o fizeram, o que faz com que a autarquia tenha de recorrer a nadadores-salvadores externos, no caso da Graciosa deverão ser contratados dois para a Piscina Municipal e Barro Vermelho e um elemento para folgas.




Câmara Municipal deverá ceder Escola do Bom Jesus à Junta de Freguesia

A última reunião ordinária da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, relativa ao mês de Abril, decorreu na sede da Junta de Freguesia de Santa Cruz.
No final da reunião, o Presidente da Junta de Freguesia usou da palavra para elencar diversos aspetos que neste momento preocupam a Junta.
Paulo Cunha solicitou à autarquia que se intervenha na Canada de Trás do Pico situada nas Fontes, nomeadamente na colocação de asfalto, tendo sido informado que está prevista a colocação de asfalto na referida canada, quando se iniciar uma próxima fase da obra da rede de águas.
Foi também solicitado pela Junta que a autarquia intervenha numa canada no Bom Jesus, que dá acesso a moradia e garagem, com a respetiva colocação de asfalto e ficou o compromisso da Câmara em ir verificar o local.
A Escola do Bom Jesus também foi trazida para a discussão, com o Presidente da Junta a solicitar que a autarquia ceda aquele espaço para a Junta, tal como foi pedido em ofício enviado à autarquia no dia 5 de abril. O Presidente da Câmara informou que a autarquia está a estudar a hipótese de ceder aquele espaço à Junta e que brevemente haverá informações sobre o tema.
O Presidente da Junta, solicitou que a Câmara reúna a Comissão de Trânsito para se efectuar algumas alterações no trânsito, nomeadamente no estacionamento, orientação e nas passadeiras. Paulo Cunha alertou que, apesar das passadeiras estarem de acordo com a legislação, não existe segurança para peões e condutores.
O Presidente da Junta agradeceu toda a colaboração que a autarquia tem desenvolvido com a edilidade santa-cruzense, esperando poder contar com a Câmara aquando das obras no Barro Vermelho, pedido que foi acedido pelo Presidente Manuel Avelar.





Associação de Turismo em Espaço Rural “Casas Açorianas” em colóquio na Graciosa

As Casas Açorianas – Associação de Turismo em Espaço Rural promove, nos dias 27, 28 e 29 de abril, na ilha Graciosa, um encontro de formação multi-temas para os seus associados.
Os participantes terão oportunidade de usufruir de informação/formação sobre diversos temas, com um painel de formadores credenciados nas várias áreas.
O leque de assuntos abrange questões relacionadas com o ambiente e a sustentabilidade ambiental; estratégias de marketing e publicidade; criação de uma identidade/marca e comunicação digital; técnicas de venda e negociação e as características e objetivos do galardão Miosótis Azores – alojamentos verdes.
Aproveitando a presença dos associados das várias ilhas, na Graciosa, a Associação realizará uma Assembleia-geral esta Sexta-feira.

Estas jornadas contam com a colaboração da Direção Regional do Ambiente, Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, SATA e Adega Cooperativa da Graciosa.

Twitter Facebook Favorites More