Traduzir

23 dezembro 2016

Resumo Semanal de 19 a 23 de Dezembro de 2016


Idosos da Graciosa visitaram Parlamento Açoriano e Cedar’sHouse

A importância da intergeracionalidade e da proximidade constituíram a base da mensagem da Presidente Ana Luís, dirigida a um grupo de idosos de todas as freguesias da ilha Graciosa, que, na tarde de 15 de dezembro, encheu a Cedar’s House – Residência Oficial da Presidência da Assembleia – num animado convívio de Natal.
O grupo, que se deslocou propositadamente da Graciosa para visitar o Parlamento e passar a tarde com a Presidente da Assembleia mostrou-se feliz com a iniciativa, inserida no Projeto Parlamento Presente.
Um passeio pela cidade da  Horta, a visita ao edifício sede do Parlamento Açoriano, um lanche e muita música de Natal interpretada pelo Grupo Coral Juvenil Mater Dei e pelo Rancho de Natal do Centro Cultural e Desportivo da Assembleia Legislativa fizeram exultar os mais idosos e os mais jovens numa partilha de valores próprios desta época natalícia.





Duarte Freitas e João Costa foram reeleitos no PSD

Duarte Freitas foi reeleito líder do PSD/Açores, com 70,7 por cento dos votos, enquanto que Paulo Silva obteve 24,1 por cento.
Na mesa de voto do PSD Graciosa votaram 42 militantes, sendo que o resultado foi de Duarte Freitas – 32, Paulo Silva – 6 e Brancos – 4.
Para os órgãos de ilha foi eleita a única lista que se apresentou a sufrágio.
Assim na assembleia de ilha é presidente Valdemiro Vasconcelos, vice-presidente Anabela Simões e secretário Rui Nascimento.
Na comissão politica de ilha foi reeleito como presidente João Costa, vice-presidentes Marco Nuno Silva e Manuel Silveira. Compõe ainda a comissão António Reis, Rui Melo, Eulália Aguiar, Mónica Sousa, Adolfo Vasconcelos, Carlos Nascimento, João Picanço, Eutímio Ortins e Tiago Louro.
Do conselho de jurisdição fazem parte Manuel Guilhermino da Rocha, Carlos Alberto Melo, José Sousa, Hélia Teves e Rui Cordeiro.
Como delegados ao Congresso foram eleitos Manuel Silveira e António Reis.





Tiago Avelar é o novo presidente da Filarmónica União Praiense

A Sociedade Filarmónica União Praiense realizou no Domingo uma Assembleia-geral, em que foram eleitos os vários órgãos para o mandato 2016/2017.
Tiago Santos é assim agora o novo presidente da direcção e como vice-presidentes foram eleitos Antonino Bettencourt, Eulalia Aguiar, Júlio Sousa e Carlos Félix. Da direcção fazem ainda parte os secretários Marina Silva, Rui Silva e os tesoureiros Jorge Sousa e Luís Félix.
Na Assembleia Geral, é presidente Manuel José Ramos, vice-presidente - Norberto Manuel Melo Santos e secretário Teresa Cristina Medeiros Reis.
O Conselho Fiscal é presidido por Manuel Maria Sousa, vice-presidente - Marco Silva e secretário Manuel Vasconcelos.





Arranjos do centro histórico e nova tela para os pauis suscitam dúvidas dos vereadores do PSD

O executivo municipal de Santa Cruz da Graciosa reuniu Quinta-feira nos Paços de Concelho.
O ponto que gerou maior discussão e troca de ideias foi o último ponto, sobre a “melhoria da rede viária do centro histórico e zonas envolventes de Santa Cruz”.
Trata-se de um projeto que custa 645.700 euros, sem iva, que segundo a vice-presidente informou na reunião será apoiado quase na sua totalidade, “à exeção dos 15.000 euros referentes ao betuminoso”.
Os vereadores do PSD mostraram-se insatisfeitos por terem tido dificuldade em consultar o projeto em suporte digital, tendo João Cunha afirmado ter algumas duvidas sobre quantidades e medições, o que não lhe permite assinar “um cheque em branco”. O vereador alertou ainda que não devem ser usados materiais altamente corrosivos pelo salitre.
António Reis e João Cunha questionaram ainda sobre a tela dos pauis, nomeadamente se haverá um trabalho de base e que tipo de tela será usada, tendo o presidente da câmara esclarecido que se trata de uma teça com “mais qualidade e consistência”, tendo o projetista consultado até firmas estrangeiras sobre o assunto.
Posto à votação o projeto foi aprovado, com 3 votos a favor do PS e 2 votos contra do PSD.
Os vereadores do PSD apresentaram uma declaração de voto em que afirmam que o projeto é pouco claro relativamente a aspetos técnicos de pormenor e omissões, mas embora reconheçam a necessidade da obra “não passam cheques em branco”. Os vereados “estão a favor das obras”, mas não estão a favor que se gaste dinheiro “desnecessariamente”.





Autarquia distribui apoios na penúltima reunião de 2016

Na ordem trabalhos foi aprovado por unanimidade a atribuição de subsídios às coletividades, no valor total de 56.450 euros. Foram aprovadas candidaturas de 31 instituições, sendo que mais de 25 mil euros foi para os 8 clubes desportivos da ilha.
Para além destes apoios, foram ainda aprovados apoios de ajuda aos transportes, para treinos e jogos, dos escalões de formação no valor total de 13.100 euros, com o objetivo de apoiar a aposta na criação de hábitos e práticas desportivas.
No encontro camarário foi ainda aprovado apoio de 1.000 euros, para pintura da Ermida de Santo António na Vitória, o mesmo valor para os mesmos trabalhos nas Igrejas de Santa Quitéria na Fonte do Mato, Igreja de Guadalupe, esta última mais um apoio crescente de 200 euros, conforme proposta do vereador João Cunha. O vereador do PSD propôs que deveria ser feita uma discriminação positiva para as 4 Igrejas paroquiais da ilha, no caso de obras, ou seja um total de 1.200 euros.
O executivo camarário aprovou ainda para aprovar uma proposta do presidente que mostra preocupação, junto da associação dos Rádioamadores dos Açores e à Autoridade Nacional das Comunicações sobre a eliminação dos indicativos de cada ilha, substituindo-o por um único, CT8. O Município propõe que se mantenha os indicativos por ilha.





Zonas balneares em consulta até 31 de Janeiro

A lista das águas balneares costeiras a identificar em 2017 nos Açores encontra-se em consulta pública até 31 de janeiro, ao abrigo da legislação regional que visa que os cidadãos se manifestem sobre a proposta, expressando as suas opiniões, sugestões e comentários.
Para o ano 2017 foi proposta a manutenção das 64 águas balneares costeiras identificadas em 2016 na Região Autónoma dos Açores.
No Concelho de Santa Cruz da Graciosa estão identificadas as zonas de Barro Vermelho, Piscina do Carapacho, Praia e Zona Balnear da Calheta em Santa Cruz .






Pesca descarregada baixou mais de 43 toneladas

Nos primeiros 11 meses deste ano, os nossos pescadores entregaram em lota 114.400 Kgs de peixe, uma redução de 43.086 Kgs, em comparação com o mesmo período de 2015.
Os dados do Serviço Regional de Estatística revelam que depois da subida em Julho e da ligeira descida em Agosto, em Setembro, Outubro e Novembro as descidas voltaram a acentuar-se.
Só no passado mês de Novembro foram entregues em lota 9.117 quilos, uma redução de cerca de 4 toneladas e meia de peixe.
O ano de 2016 está assim a ser de dificuldade para um dos principais setores da nossa economia, que até ao final de Novembro rendeu cerca 1 milhão e 18 mil euros à economia graciosense, uma redução de 226 mil euros em relação a 2015.

Twitter Facebook Favorites More