Traduzir

15 novembro 2016

Unidade de Saúde da Ilha Graciosa promove rastreio da diabetes

O Secretário Regional da Saúde destacou ontem, em Angra do Heroísmo, que a aposta na prevenção é essencial no combate à diabetes, salientando a importância das pessoas perceberem que esta doença “pode ser prevenida”.
Rui Luís, que falava no Hospital de Santo Espírito da Ilha Terceira, à margem de uma ação que assinalou o Dia Mundial da Diabetes, assinalado a 14 de Novembro, frisou que, no âmbito desta “grande estratégia” de combate à doença, há um conjunto de ações previstas no Plano Regional de Saúde.
Este ano, o tema escolhido para a sua comemoração centra-se na importância da realização de rastreios que permitam o diagnóstico e tratamento precoces da doença, reduzindo assim o risco de complicações associadas.
Caracterizada pelo aumento dos níveis de glicose (açúcar) no sangue, a diabetes tipo 2 é uma doença crónica que surge em consequência de um desequilíbrio no metabolismo da insulina, impedindo a eficaz transformação da glicose em energia pelo organismo.
Tem como principais fatores de risco a má alimentação, o excesso de peso, a falta de exercício físico e a história familiar de doença e como principais sinais de alerta: sede e fome excessivas, poliúria (produção e eliminação excessiva de urina), fadiga, visão turva e perda de peso não intencional.
Relativamente às complicações associadas à doença, destacam-se: a hipertensão arterial, o aumento do risco de enfarte e AVC, a doença vascular periférica (má circulação que pode culminar na amputação de dedos/membros), as doenças renais, as lesões da retina (que podem levar à cegueira) e as lesões do sistema nervoso periférico (como a perda de sensibilidade nos pés, problemas do aparelho digestivo e disfunção erétil).
Em 2014, segundo o Observatório Nacional da Diabetes, a prevalência estimada da doença na população portuguesa com idades compreendidas entre os 20 e os 79 anos era de 13,1%, isto é, mais de 1 milhão de portugueses neste grupo etário sofria da doença.
A alimentação assume um papel determinante quer na prevenção quer no controlo da diabetes e que 30 minutos de exercício físico diário pode reduzir em 40% o risco de desenvolver diabetes tipo 2.
A Unidade de Saúde da Ilha Graciosa associa-se a esta causa e promove um rastreio da diabetes destinado a toda a população adulta, no próximo dia 16 de novembro (quarta-feira) na Praça Fontes Pereira de Melo, das 9:00h às 12:30h e das 13:30h às 16:00h. Participe.
                                                                                                                      




Twitter Facebook Favorites More