Traduzir

24 janeiro 2017

Crise sísmica ao largo da Graciosa dá sinais de abrandamento

A atividade sísmica na ilha Graciosa, que decorre desde as 19:15 de sexta-feira, numa região epicentral localizada entre 31 e 19 quilómetros a Oeste da localidade da Vitória, Freguesia de Guadalupe, já registou 61 eventos, num espaço de 72 horas, no entanto parece haver tendência para abrandar.
Apesar do elevado número de sismos, todos de baixa magnitude, apenas dois eventos foram sentidos pela população, no último fim-de-semana.

Consultando o site do Civisa, verifica-se que o último evento foi registado às 14h21 de ontem Segunda-feira, pelo que nas últimas 12 horas não há registo de qualquer evento.
Recorde-se que a última grande crise sísmica registada na Graciosa foi em Março de 2012, durou mais do que 5 dias, com eventos de maior intensidade, epicentro localizado a Sudoeste e levou a ocorrência de derrocadas na costa e condicionamento de visitas a alguns pontos da ilha, como a Furna do Enxofre.

Twitter Facebook Favorites More